Venda da Eletrobrás pode reforçar cofres da União em R$ 17 bi

LinkedIn

A privatização da Eletrobrás (ELET6) pode render R$ 17 bilhões para o Tesouro Nacional no próximo ano.  Essa estimativa leva em conta uma das opções aventadas pelo governo para vender o controle da empresa, que é a estatal levantar recursos na Bolsa de Valores com uma oferta de novas ações e usar o dinheiro para mudar os contratos do setor elétrico, o que geraria um pagamento de bônus à União. O governo ainda não definiu a modelagem de venda da empresa, mas anunciou ontem que a intenção é concluir o processo no primeiro semestre de 2018.

Apesar dessa perspectiva de reforço no caixa, o governo negou que esse seja o principal objetivo da operação. “Trata-se de um movimento muito maior do que apenas a necessidade arrecadatória. Vamos entregar uma nova empresa muito mais ágil após esse processo, com capacidade de enfrentar os desafios em um cenário competitivo com empresas globalizadas”, disse o ministro de Minas e Energia, Fernando Coelho Filho.

Fonte: Estadão

Deixe um comentário