ADVFN Logo ADVFN

Não encontramos resultados para:
Verifique se escreveu corretamente ou tente ampliar sua busca.

Tendências Agora

Rankings

Parece que você não está logado.
Clique no botão abaixo para fazer login e ver seu histórico recente.

Hot Features

Registration Strip Icon for tools Aumente o nível de sua negociação com nossas ferramentas poderosas e insights em tempo real, tudo em um só lugar.

Rodrigo Janot abre investigações sobre delação da JBS e ameça cancelar acordo

LinkedIn

O procurador-geral da República Rodrigo Janot anunciou que abriu uma investigação interna para reavaliar a delação premiada de três dos sete executivos do Grupo J&F. Supostamente, eles teriam tido a ajuda do ex-procurador Marcello Miller para elaborar os acordos com a PGR, porém Miller passou a atuar como advogado da JBS depois de sair da procuradoria. Para Janot, há “indícios de omissão de informações sobre prática de crimes no processo”.

A suspeito surgiu a partir de um áudio entregue à PGR na quinta-feira passada (31/08). ” A análise de tal gravação revelou diálogo entre dois colaboradores com referências indevidas a Procuradoria-Geral da República e ao Supremo Tribunal Federal. Tais áudios também contêm indícios, segundo esses dois colaboradores, de conduta em tese criminosa ao ex-procurador Marcello Miller”, disse o procurador em coletiva.

Janot afirmou que não se deve anular as provas já obtidas, mas o fato é “gravíssimo”. Porém “se ficar provada qualquer ilicitude o acordo de colaboração premiada será reincidido”, declarou.

 

Deixe um comentário