PIB "pode parecer baixo", mas mostra força entre setores, diz Meirelles

LinkedIn

O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, afirmou que o crescimento de 0,1% do Produto Interno Bruto (PIB) do terceiro trimestre “pode parecer baixo, mas é forte analisando por setores”. Em sua conta no Twitter, o ministro destacou que sem contar o setor agrícola, “que caiu por razões sazonais, o crescimento foi de 1,1%”, e que o acumulado até setembro, de 0,6%, superou as previsões dos economistas para 2017.

De acordo com o Boletim Focus mais recente, os analistas do Banco Central (BC) estimam que o PIB crescerá 0,73% este ano e 2,5% em 2018.

Meirelles também destacou o crescimento de 1,6% nos investimentos, o que foi “o primeiro resultado positivo após 15 trimestres seguidos de queda”, o que mostra “otimismo em relação ao futuro”. A volta dos investimentos também pode indicar que a retomada da atividade está ganhando confiança.

O ministro do Planejamento, Dyogo Oliveira, também afirmou através do Twitter, que os dois principais componentes da demanda, o consumo das famílias e o investimentos, registraram crescimento positivo após quatro anos. Oliveira afirmou que o desempenho do PIB “só não veio melhor porque as importações registraram forte crescimento, o que não deixa de ser boa notícia, pois confirma que a economia doméstica está mais aquecida e é mais um sinal de retomada”.

Deixe um comentário