Moro opta por manter condução de processo do sítio de Atibaia

LinkedIn

O juiz federal Sérgio Moro decidiu nesta quinta-feira (26) que a ação contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva envolvendo o sítio de Atibaia, deve seguir em Curitiba. A medida ocorreu após a defesa do petista pedir a Moro a transferencia para São Paulo essa ação e outra, sobre uma compra de um terreno para o Instituto Lula.

O ex-presidente é acusado de receber o sítio com obras de melhoria no imóvel como propina de empreiteiras por contratos na Petrobras.

De acordo com o juiz, “a decisão é válida até que seja julgada a chamada exceção de incompetência pela defesa do ex-presidente, há oito meses, no Paraná”.

Já a defesa do petista alega que não há prova concreta que aponta recursos da Petrobras usados para pagamento de vantagem indevida a Lula, e por isso, eles acreditam que a ação penal não precisaria ser avaliada pela Operação Lava Jato.

Fonte: G1

 

Deixe um comentário