China critica ‘chantagem' americana depois de Trump refazer ameaça comercial

LinkedIn

Nesta terça-feira (19), os Estados Unidos fizeram mais uma ameaça de tarifas sobre a China. Desta vez, o presidente americano, Donald Trump, prometeu impor a tarifa de 10% sobre US$ 200 bilhões em bens chineses. Na mesma direção, Pequim declarou que pode retaliar às medidas do americano.

Uma retaliação organizada pela China na última semana, gerou tarifas sobre US$ 50 bilhões em bens dos EUA – decisão tomada após Trump anunciar taxas parecidas sobre bens chineses também na última semana.

Em comunicado nesta segunda-feira (18), Trump alegou que “depois que o processo legal estiver finalizado, essas tarifas entrarão em vigor se a China se recusar a mudar sua práticas, e também se insistir em avançar com novas tarifas que anunciou recentemente”, disse o Republicano.

A reação de Trump deixou os mercados acionários globais em clima de cautela.

Fonte: G1

Deixe um comentário