Renner divulga resultado nesta quinta-feira; Copa e greve devem afetar vendas

LinkedIn

Investing.com – Amanhã, antes da abertura dos mercados, a Lojas Renner (BOV:LREN3) irá divulgar o resultado financeiro do segundo trimestre do ano, com o consenso do mercado apontando para lucro líquido por ação de R$ 0,34, contra R$ 0,16 registrado período imediatamente anterior e de R$ 0,28 no mesmo trimestre do ano passado.

A projeção de consenso para a receita é de R$ 2,03 bilhões, ficando acima dos R$ 1,63 bilhão dos primeiros três meses do ano e dos R$ 1,83 bilhão do mesmo período de 2017.

O Banco do Brasil Investimentos (BB-BI) projeta um aumento nas vendas no segmento varejo de 11,8% no segundo trimestre, considerando a base anual. O despenho de vendas nas mesmas lojas deve avançar apenas 4%, pressionado pela greve e pelos jogos da Copa do Mundo, que afetaram o tráfego de pessoas dentro das lojas.

Na visão dos analistas, a Lojas Renner continuará expandindo acima da média do mercado, apoiada por ganhos de participação de mercado e um bom desempenho dos itens de inverno.

Para a margem bruta, a projeção é de um aumento de 90 pontos base ano a ano, para 62,0%, refletindo um efeito positivo dos contratos de hedge, em linha com o que observamos no 1T18.

A perspectiva do banco para o balanço é positiva, com receita líquida de R$ 2,047 bilhões, que representa alta de 11,8% na comparação com o mesmo mês do ano passado. Já o Ebitda ajustado deve ser de R$ 430 milhões, alta de 12,3% na base anual.

O BB-BI tem preço alvo de R$ 41,50 para Lojas Renner.

A XP Investimentos espera receita líquida de R$ 1,74 bilhão no trimestre, o que representa alta de R$ 7,2% na comparação anual e salto de 24,9% em relação aos três primeiros meses do ano. Já o lucro líquido deve avançar 11,3% para R$ 210 milhões. Para o indicador de vendas nas mesmas lojas a aposta é de crescimento de 5,3%.

Deixe um comentário