As 20 ações de empresas do Ibovespa que estão negociando abaixo do valor patrimonial

LinkedIn

SÃO PAULO – Após uma queda de 40% do Ibovespa em apenas um mês, investidores não só tentam entender o que fazer com seus investimentos, mas também encontrar boas oportunidades na bolsa, acreditando já ser possível que algumas ações estejam “baratas” para compra.

Apesar de ninguém garantir que o pior já passou e que a volatilidade não vai continuar, algumas métricas de valuation já tornam possível ver ativos que estão ficando em valores baixos.

Um dos indicadores mais usados por investidores, o P/VPA (preço dividido pelo valor patrimonial por ação), pode ser um bom começo para encontrar oportunidades na Bolsa.

“É uma métrica interessante, que traz um indicativo de que uma ação está bastante descontada”, avalia Guilherme Carter, sales manager da Comdinheiro, explicando que, basicamente, o P/VPA mostra o quanto o mercado está precificando uma empresa.

Considerando esta métrica, 20 das 73 ações que fazem parte do Ibovespa estão negociando hoje abaixo de seu valor patrimonial até o fechamento do pregão de quinta-feira (19), segundo levantamento feito pela consultoria Economatica.

A pior situação fica com as empresas do setor aéreo, que estão sofrendo bastante com a pandemia do coronavírus, que tem levado ao cancelamento de boa parte dos voos. A Azul (AZULL4]) aparece com P/VPA negativo em 1,16, enquanto o da Gol (GOLL4) está em -0,29.

Entre as companhias que negociam hoje abaixo de seu valor patrimonial aparecem ainda estatais como Petrobras (PETR3; PETR4), Eletrobras (ELET3; ELET6) e Banco do Brasil (BBAS3), além das siderúrgicas Usiminas (USIM5), CSN (CSNA3) e Gerdau (GGBR4).

Confira abaixo:

Nome Código P/VPA em 19/03/20
Azul S.A. AZUL4 -1,16
Gol GOLL4 -0,29
Eletrobras ELET3 0,37
Usiminas USIM5 0,39
Eletrobras ELET6 0,42
Gerdau Metalúrgica GOAU4 0,46
Embraer EMBR3 0,46
Cogna COGN3 0,49
Petrobras PETR4 0,54
Petrobras PETR3 0,55
Gerdau GGBR4 0,60
BR Malls BRML3 0,67
Brasil BBAS3 0,68
Cemig CMIG4 0,80
CVC Brasil CVCB3 0,80
CSN CSNA3 0,86
Bradespar BRAP4 0,88
Smiles SMLS3 0,93
Energias BR ENBR3 0,97
MRV MRVE3 0,98

O que é o P/VPA

Segundo Thiago Salomão, analista da Rico, existem três indicadores mais usados: P/L (preço sobre lucro), EV/Ebitda (valor da empresa sobre o Ebitda), além do próprio P/VPA, sendo que este último não sofre tantas distorções quanto os outros.

Ele explica que, se este indicador estiver abaixo de 1, mostra que, trazendo a valor presente todos os fluxos de caixa esperados no longo prazo para empresa a uma taxa de desconto, isso resulta em um valor menor do que o valor do patrimônio dela hoje.

Por sua vez, o patrimônio de uma empresa é a soma de todos os bens dela, excluindo os passivos. Ou seja, resumo Salomão, “se a empresa fechar hoje, vende-se tudo, paga-se as dívidas e o que sobra é o patrimônio dela”.

Cuidados para encontrar oportunidades

Segundo Carter, porém, o investidor não pode tomar uma decisão apenas olhando para esta métrica. “É preciso ter em mente outros dados antes de comprar uma ação, como a geração de fluxo de caixa, o endividamento e alavancagem, depende do setor que a empresa está”, avalia.

Para Salomão, o problema de se usar o P/VPA neste momento é que “o mercado está completamente disfuncional”. “Os investidores perderam a percepção de preço, os ativos estão oscilando muito, sem uma racionalidade”, afirma.

“São tantas incertezas que não tem como estimar o fluxo de caixa no longo prazo, qual a taxa de desconto a ser praticada, quais as variáveis econômicas”, explica o analista.

Por conta disso, ele afirma que, por mais que o valor patrimonial da empresa esteja “normal”, o preço está muito disfuncional, o que pode fazer com que o P/VPA “engane” o investidor, já que será preciso olhar para outros fatores durante a avaliação.

É o caso das companhias aéreas, que estão vendo seu negócio ser diretamente afetado por esta crise, o que muda seus fundamentos, ou seja, seu valor mais baixo não necessariamente indica uma oportunidade.

“Mas isso não quer dizer que o indicador não vale a pena, só é preciso considerar estas ressalvas”, diz. Em geral, Salomão se diz otimista e afirma que o investidor que olhar para o longo prazo, por mais que o mercado ainda sofra de volatilidade e possa cair no curto prazo, pode encontrar boas oportunidades olhando para o P/VPA ou P/L.

Por Rodrigo Tolotti

Comentários

  1. Sergio Mosquera diz:

    Estamos vivendo um tempo de desgraça generalizada, portanto é preciso levar em conta que todos nós estamos perdendo com o Covid19. Vamos aguardar por no mínimo dias melhores e, que cientistas da saúde encontrem um meio de salvar vidas. Nossa tecnologia já esta alta e uma nova vacina deverá estará a caminho.

Deixe um comentário