Porto Seguro (PSSA3) 2T20: Lucro líquido de R$ 656,7 milhões

LinkedIn

Porto Seguro registrou crescimento de 72,4% no lucro líquido do segundo trimestre de 2020 ante o mesmo período do ano passado, para R$ 656,7 milhões. No acumulado do primeiro semestre, a linha apresentou crescimento de 30,1%, a R$ 885,1 milhões.

Os resultados da Porto Seguro (BOV:PSSA3) referente a suas operações do segundo trimestre de 2020, foram divulgados no dia 03/08/2020.

De acordo com a companhia, os resultados refletem “os efeitos do isolamento social, que resultou na significativa queda da sinistralidade e consequente melhora do desempenho operacional” .

→ Fundada em 1945, é reconhecida como uma das maiores seguradoras do País, por sua atuação nos segmentos de Seguro Auto e Residência. A empresa possui  R$ 17,5 bilhões de valor de mercado. Confira a Análise completa da empresa com informações exclusivas.

O resultado operacional de seguros registrou forte alta em relação ao segundo trimestre de 2019, de 144,8%, para R$ 590,5 milhões, frente a R$ 241,2 milhões um ano antes.

O resultado operacional geral do grupo apresentou subida anual de 83,4% entre abril e junho, de R$ 622 milhões.

O resultado financeiro consolidado do grupo também mais que dobrou, com alta de 101,1% comparado ao intervalo entre abril e junho do ano passado. A linha subiu para R$ 497,6 milhões, ante R$ 247,5 milhões há um ano. Segundo a Porto, as aplicações financeiras se beneficiaram da recuperação dos preços dos ativos, o que compensou as perdas no primeiro trimestre.

Os prêmios emitidos de seguros recuaram 4,9%, para R$ 3,5 bilhões. No entanto, a sinistralidade total teve uma forte queda de 10,6 pontos percentuais, para 40,9% no segundo trimestre, na comparação anual.

O seguro auto, principal produto da companhia, teve retração de 9,9% nos prêmios ante o segundo trimestre de 2019, “afetado pela retração na venda de novos seguros [com a pandemia] e pela redução do prêmio médio, como resultado da diminuição do risco”. O índice de renovação, porém, permaneceu elevado, apontou a empresa.

O índice combinado atingiu 83,8% no segundo trimestre, com recuo de 9,6 pontos ante o mesmo período de 2019. De acordo com a Porto, trata-se “do melhor resultado da história da companhia”. O indicador foi beneficiado pela “expressiva queda na sinistralidade do seguro auto”.

A sinistralidade no seguro auto recuou 15,4 pontos ante o segundo trimestre do ano passado, “decorrente principalmente da redução de circulação de veículos em função do isolamento social e da relevante melhora na sinistralidade do segmento de saúde, com queda de 18,5 p.p.”.

Outro destaque dos números do segundo trimestre da Porto foi a receita de negócios financeiros e serviços, que subiu 7,6%. As áreas fora dos seguros tiveram receita de R$ 690 milhões. Os resultados dos negócios financeiros foram impulsionados pelas operações de cartão de crédito e financiamento, que se expandiram 10,2% no segundo trimestre ante um ano atrás.

Porto Seguro reportou lucro líquido de R$ 228,4 milhões de reais no primeiro trimestre (1T20), com queda de 23,8% na comparação com os primeiros três meses de 2019. O resultado foi divulgado no dia 04 de maio de 2020.
Em 2020, as ações da empresa desvalorizaram -13,95% até o momento, oscilando entre a mínima de R$ 39,47 e a máxima de R$ 66,74 no ano.

→ Confira a agenda completa e a matéria dos resultados trimestrais do 2T20 de todas as empresas da B3.

Comentários

  1. Carlos diz:

    Maravilhoso artigo, voltarei a este site para mais artigos como este. Obrigado por compartilhar :D

Deixe um comentário