ADVFN Logo ADVFN

Não encontramos resultados para:
Verifique se escreveu corretamente ou tente ampliar sua busca.

Tendências Agora

Rankings

Parece que você não está logado.
Clique no botão abaixo para fazer login e ver seu histórico recente.

Hot Features

Registration Strip Icon for tools Aumente o nível de sua negociação com nossas ferramentas poderosas e insights em tempo real, tudo em um só lugar.

Binance lança pool de mineração de ether com taxas mais atrativas

LinkedIn

Pool de mineração é um grupo de mineradores de criptomoedas que combina seus recursos computacionais para uma rede para transmitir um bloco de transações ao blockchain.

A corretora de criptoativos Binance lançou um pool de mineração de ether (ETH), quase sete meses após ter lançado o de bitcoin (BTC).

A expansão indica que usuários do Binance Pool também poderão minerar ether, além de bitcoin. Binance irá cobrar uma taxa de 0,5% para a mineração de ether, metade do que suas adversárias cobram.

Ethermine e SparkPool, por exemplo, cobram uma taxa de 1% por recompensas de mineração de ether.

O pool de mineração de ether da Binance usa um método de pagamento completo por participação (FPPS, do inglês “Full Pay-Per-Share”) para pagamentos de recompensas, parecido com o de seu pool de bitcoin.

Esse método distribui recompensas por blocos, bem como taxas de transação para mineradores.

Ainda não se sabe se o novo pool de mineração terá a mesma força que o de bitcoin, já que a Ethereum irá migrar do atual sistema de mineração proof-of-work (PoW) no futuro próximo.

Muitos consideram a mineração PoW insustentável, pois os custos pelo consumo de energia e compra de hardwares são muito altos.

Assim, a Ethereum 2.0, nova versão da Ethereum, usará o algoritmo de consenso proof-of-stake (PoS), que depende da participação de quem tem ativos “aplicados” (em staking) na rede em vez de depender de milhares de máquinas que mineram ether e garantem a segurança da rede.

O pool de mineração de bitcoin da Binance teve cerca de 7% da taxa de hashes da rede em outubro, segundo a BTC.com.

Distribuição histórica da taxa de hashes do Bitcoin (BTC.com, The Block Research)

Traduzido e editado por Daniela Pereira do Nascimento

Deixe um comentário