GOL (GOLL4) 3T20: balanço revela prejuízo de R$ 1,71 bilhão

LinkedIn

A companhia aérea GOL teve um prejuízo líquido de R$ 1,71 bilhão no terceiro trimestre de 2020, elevando as perdas de R$ 242 milhões registradas em igual período do ano passado.

Os resultados da GOL (BOV:GOLL4) referentes às suas operações do terceiro trimestre de 2020 foram divulgados no dia 03/11/2020.

→ Fundada em 2001, a GOL Linhas Aéreas Inteligentes é uma companhia aérea brasileira. Confira a análise completa da empresa com informações exclusivas.

O balanço do terceiro trimestre de 2020 mostrou um Ebitda (lucro antes de juros, impostos, amortização e depreciação) negativo em R$ 204 milhões, contra R$ 1,14 bilhão positivo conquistado um ano antes.

Já a receita operacional líquida da companhia aérea alcançou a cifra de R$ 974,9 milhões, o que representa uma queda de 73,7% no comparativo anual. Em se tratando do transporte de passageiros, a receita obtida diminuiu 74,9% no 3T20, ficando em R$ 879 milhões. Já a receita com o transporte de cargas e outros caiu 54,1%, somando R$ 95,9 milhões.

Trader ? Faça um Coaching de Investimentos com a YouTrade e obtenha resultados consistentes.

Outras informações do balanço

Durante o terceiro trimestre, a companhia transportou 2,6 milhões de clientes, 73% menos do que no mesmo período de 2019. Já no comparativo com o trimestre anterior, a evolução foi de 300%.

As despesas operacionais no 3T20 registraram uma queda de 44%, ficando em R$ 1,74 bilhão. O resultado operacional marcou um prejuízo de R$ 760,4 milhões, contra lucro operacional de R$ 613 milhões no 3T19.

A despesa financeira líquida teve um aumento de 17,3%, em R$ 927,1 milhões, com gastos mais altos de juros e perdas cambiais.

Para o quarto trimestre de 2020, o balanço trará resultados mais positivos, segundo a empresa. Afinal, ela prevê uma melhora na operação de voos domésticos, o que representa cerca de 80% da capacidade total de 2019.

VISÃO DO MERCADO

Bradesco BBI

Bradesco BBI mantém recomendação de compra para Gol, mas reduz preço-alvo de R$ 26,00 para R$ 20,00.

BTG Pactual 

BTG Pactual classificou como fraco o balanço da companhia aérea mas já esperava esses números.

“Acreditamos que os investidores devem dar menos atenção aos resultados do terceiro trimestre, já que os números fracos foram altamente antecipados. O foco principal deve continuar sendo a liquidez e os passivos administrativos”, comentaram os analistas Lucas Marquiori e Fernanda Recchia.

O BTG compreende que a empresa está adotando todas as medidas possíveis para manter seu balanço patrimonial saudável e preservar os ganhos futuros por meio do reajuste da capacidade. A empresa continua como a preferida para o banco no setor.

BTG Pactual recomenda compra, com preço-alvo de R$ 27,00 para os próximos 12 meses.

Goldman Sachs 

Goldman Sachs mantém recomendação de compra da Gol, com preço-alvo de R$ 26,70.

 

VISÃO TÉCNICA. Um oferecimento de YouTrade. Acesse: www.youtrade.pro.br


Gráficos GRATUITOS na br.advfn.com

Peça uma análise do seu portfolio de investimentos e ações.
Clique e fale com o especialista da YouSave ou acesse www.yousave.com.br


FaleComEspecialista

Deixe um comentário