Rumo aprova emissão de R$ 1 bilhão em debêntures

LinkedIn

A operadora de logística Rumo aprovou emissão de R$ 1 bilhão em debêntures. Segundo a empresa, serão emitidas, inicialmente, 1.000.000 de debêntures, a  R$ 1.000,00 cada.

A companhia complementa dizendo que os recursos captados vão ser investidos na rede ferroviária Malha Paulista.

O comunicado foi feito pela empresa (BOV:RAIL3) na noite desta quarta-feira (16). Essa é a 15ª emissão de debêntures da companhia, e será dividida em duas séries.

As debêntures da primeira Série terão prazo de vencimento de 10 anos contados da data de emissão. As da segunda série terão prazo de vencimento de 15 anos.

Os títulos vão ser corrigidos pelo IPCA, diz a Rumo. A remuneração da primeira série incluirá a variação dos títulos públicos atrelados à inflação, além de adicional de até 0,75% ao ano, ou taxa de juros fixa de 4,10% ao ano.

As debêntures segunda série terão remuneração com variação dos títulos públicos atrelados ao IPCA, com adição de 0,75% ao ano, ou a taxa fixa de 4,50% ao ano – o valor que for superior.

“As debêntures serão simples, ou seja, não conversíveis em ações, escriturais e nominativas, sem emissão de cautelas e certificados”. lembra a Rumo.

Lucro líquido cai mais de 50% no comparativo anual

O rumo do balanço da empresa de soluções logísticas brasileira sofreu impacto de altas despesas financeiras devido à renovação antecipada da Malha Paulista. Com isso, o lucro líquido foi de R$ 171 milhões no trimestre, queda de 53,7% sobre o 3T19.

O Ebitda (lucro antes de juro, impostos, depreciação e amortização) ajustado registrou R$ 1,122 bilhão no 3T20, queda de 7,9% sobre o 3T19. A margem Ebtida ajustado ficou em 54,7% no terceiro trimestre deste ano, baixa de 4,5 pontos percentuais na comparação anual. De acordo com a empresa, esse resultado sofreu em virtude da queda de tarifa de transporte ferroviário.

Deixe um comentário