Taxa de desemprego na Alemanha caiu em março, apesar do bloqueio prolongado

LinkedIn

A taxa de desemprego na Alemanha caiu em março,  já que as medidas de bloqueio para conter o coronavírus na maior economia da Europa tiveram um efeito limitado no mercado de trabalho.

O Escritório Federal do Trabalho disse nesta quarta-feira, que o número de pessoas desempregadas caiu em 8.000 em termos ajustados sazonalmente, para 2,745 milhões. A taxa de desemprego permaneceu inalterada em relação ao mês anterior em 6,0%.

A Alemanha está lutando para controlar uma terceira onda da pandemia e está bloqueada desde novembro, embora algumas medidas tenham sido abrandadas no início de março com a reabertura de escolas e cabeleireiros.

“Vimos uma recuperação notável na primavera em março, apesar do aumento das infecções (coronavírus) e das restrições em algumas áreas da economia”, disse o chefe do Escritório do Trabalho, Detlef Scheele.

“De forma geral, porém, o mercado de trabalho continua dando sinais da crise que já dura um ano”, acrescentou.

Cerca de 2,85 milhões de funcionários tiveram suas horas de trabalho reduzidas em janeiro sob um esquema do governo criado para evitar demissões em massa durante a recessão, oferecendo às empresas subsídios para manter os trabalhadores na folha de pagamento.

O número de pessoas no esquema atingiu um pico de cerca de 6 milhões em abril passado, mas tem aumentado continuamente desde novembro, disse o Escritório.

(Com informações da Reuters)

Deixe um comentário