Token DeFi brasileiro recebe US$ 1 milhão em três dias depois de lançamento

LinkedIn

O token financeiro descentralizado ZCore Finance, do protocolo brasileiro ZCore, chegou a US$ 1 milhão investidos em três dias depois de seu lançamento, realizado na última quinta-feira (4). A matéria é do BeInCrypto.

O token que tem a sigla ZEFI é uma recompensa para os pools de liquidez da exchange descentralizada PancakeSwap, a principal DEX da Binance Smart Chain. A maioria dos tokens de pools de liquidez são oferecidos em recompensas maiores e não são negociados nas principais exchanges globais.

O depósito de moedas nos pools através de staking oferece grande rendimento para quem bloqueia seus fundos nos pools. No caso do protocolo ZCore, o usuário recebe entre 880% e 4.000% sobre o valor alocado.

No dia de lançamento, o ZCore Finance recolheu US$ 200.000 em seus contratos inteligentes, quintuplicando este valor nas 48 horas seguintes. Erick Costa, fundador do ZCore, diz na matéria:

“Os contratos [inteligentes] dão a segurança para o usuário negociar de forma descentralizada tendo controle sobre seus ativos. Nós não custodiamos o dinheiro de ninguém: se o participante quiser, não precisa nem utilizar nossa plataforma, basta acessar o contrato na Binance [Smart Chain] e resgatar o valor para sua carteira quando quiser. E além de tudo as taxas são baixas.”

Os tokens ZEFI nesta segunda-feira são negociados a US$ 2. O protocolo usa a queima de tokens como mecanismo para evitar a inflação. 90% do valor arrecadado em taxas é usado para compra e queima de ZEFI, mantendo o suprimento estável e combatendo a inflação, preservando a pressão de compra sobre o preço.

Por Lucas Caram

Deixe um comentário