EDP Energias: volume de energia distribuída cresce 4,4% no 1TRI

LinkedIn

A EDP informou que no primeiro trimestre de 2021 o volume de energia distribuída apresentou aumento de 4,4%, sendo 3,9% na EDP São Paulo e 5,1% na EDP Espírito Santo.

O comunicado foi feito pela empresa (BOV:ENBR3), nesta quarta-feira (14).

Também no primeiro trimestre deste ano, a Companhia registrou aumento de 2,6% no número de clientes e de 32,4% no número de clientes livres (248 clientes na EDP SP e 114 clientes na EDP ES), em função das migrações dos clientes do mercado cativo para o mercado livre.

O volume de energia vendida, considerando as empresas consolidadas, foi de 1.513 GWh, redução de 5,1%, devido ao menor volume de energia vendida em Lajeado (-48,1 GWh) e Energest (-108,5 GWh).

A disponibilidade média da Usina no trimestre foi de 93,4%, tendo sido despachada durante os meses de janeiro e fevereiro, devido ao aumento da demanda, atrelado a piora das condições hidrológicas.

VISÃO DO MERCADO

Credit Suisse

O Credit Suisse afirmou acreditar que os resultados da EDP Brasil devem se beneficiar da recuperação positiva dos volumes de suas unidades de distribuição de energia, apesar do fraco desempenho do segmento de geração, com as margens pressionadas.

“A empresa, no entanto, ainda pode compensar parte dos efeitos negativos melhorando o desempenho dos custos e no segmento de transmissão”, diz o relatório.

Na Unidade de distribuição de São Paulo, os volumes aumentaram 3,9% na comparação anual, com os segmentos residencial (impactado por maior base de clientes, maiores temperaturas e menores dias de faturamento) e industrial crescendo 5,8% e 5,9%, respectivamente. Os destaques vão para os segmentos comercial (-1,2%) e outros (-2,5%), afetados pelos dias de menor faturamento e pela covid-19.

“Além de volumes menores, esperamos alguma pressão proveniente dos custos deficitários hídricos, já que o GSF foi de 87,6% neste trimestre (ante 102,5% no ano passado), e os preços no mercado a vista atingiram a média de R$ 172,5 / MWh, um cenário desfavorável que deve reduzir as margens anualmente”, diz.

A unidade térmica do Pecém manteve as vendas de energia estáveis em relação ao ano anterior. Na comercialização, o volume totalizou 3.892 GWh, 62% inferior ao primeiro trimestre de 2020, decorrente da maior volatilidade dos preços de energia e do risco de crédito verificado no mercado.

Credit Suisse tem recomendação de compra com preço-alvo de R$ 24,60…

XP Investimentos 

Segundo a companhia, o aumento no consumo pode ser explicado por uma manutenção do ritmo de recuperação da atividade industrial, que era observado desde o final do ano passado, após meses de restrições para contenção da pandemia do COVID-19. Adicionalmente, também corroborou para o aumento no consumo, as temperaturas mais elevadas no trimestre.

Vemos o resultado operacional da EDP Energias do Brasil no trimestre como positivos, sinalizando uma recuperação da demanda.

XP tem recomendação de compra com preço-alvo de R$ 21,00…

A  EDP Energias pretende divulgar os resultados do 1T21 no dia 12 de maio.

⇒ Confira a agenda completa da divulgação dos resultados do 1T21

Lucro líquido de R$ 1,5 bilhão em 2020, avanço de 12,7%

A EDP Energias do Brasil reportou lucro líquido de R$ 1,5 bilhão em 2020, avanço de 12,7%. No quarto trimestre de 2020, o lucro foi de R$ 699,9 milhões, o que representa alta de 40,2% em relação ao mesmo período de 2019.

Os resultados da EDP Brasil (BOV:ENBR3) referentea suas operações do quarto trimestre de 2020 foram divulgados no dia 19/02/2021. Confira o Press Release completo!

⇒ Confira a agenda completa da divulgação dos resultados do 4T20 e referente ao ano de 2020. Confira a cobertura completa de todos os balanços referente ao ano de 2020 das empresas negociadas na B3.

Em 2020, o Ebtida – lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização –

No acumulado do ano, a receita da companhia foi de R$ 13,2 bilhões, alta de 5,13% em relação a 2019. foi de R$ 3,38 bilhões, avanço de 16%.

No ano, os investimentos recuaram 32,8%, para R$ 1,89 bilhão.

Deixe um comentário