Equatorial: CEEE-D informa que não recebeu ofício da CVM sobre investigação contra a empresa

LinkedIn

A CEEE-D divulgou não recebeu qualquer ofício da Comissão de Valores Mobiliários (CVM) sobre eventual investigação contra a empresa.

O comunicado foi feito pela empresa (BOV:EQTL3) nesta sexta-feira (16).

A CVM teria aceitado um pedido de abertura de investigação contra dirigentes da estatal gaúcha por suposta omissão de informações sobre a privatização da empresa.

O leilão de privatização ocorreu no último dia 31 de março e o certame foi vencido pelo Grupo Equatorial com uma proposta de R$ 100 mil. A CEEE-D tem um passivo de quase R$ 7 bilhões.

Nesta quinta-feira (15), a Comissão de Valores Mobiliários (CVM) aceitou o pedido do deputado Darci Pompeo de Matos (PDT-RS) para abrir uma investigação contra dirigentes da estatal gaúcha Companhia Estadual de Distribuição de Energia Elétrica (CEEE-D) por suposta omissão de informações em fatos relevantes sobre a privatização da empresa.

A Equatorial pretende divulgar os resultados do 1T21 no dia 12 de maio.

Lucro líquido de R$ 2,9 bilhões em 2020, alta de 23,2%

O Grupo Equatorial registrou lucro líquido de R$ 2,975 bilhões em 2020, alta de 23,2% na comparação com o ano anterior

As empresas que fazem parte do Grupo são a Cemar, Celpa, Equatorial Piauí, Equatorial Alagoas, Geramar, Equatorial Transmissão, Intesa, Equatorial Telecom, Sol Energia e 55 Soluções.

⇒ Confira a agenda completa da divulgação dos resultados do 4T20 e referente ao ano de 2020. Confira a cobertura completa de todos os balanços referente ao ano de 2020 das empresas negociadas na B3.

Deixe um comentário