Banco do Brasil aprova a distribuição de dividendos e Juros sobre Capital Próprio no valor total de R$ 1,18 bilhão

LinkedIn

O Banco do Brasil aprovou a distribuição de R$ 212.106.576,44 a título de remuneração aos acionistas sob a forma de dividendos e R$ 970.473.460,21 sob a forma de Juros sobre Capital Próprio (JCP).

O fato relevante foi feito pela empresa (BOV:BBAS3), nesta quinta-feira (06). Confira o comunicado na íntegra. 

O valor por ação dos dividendos é de R$ 0,07433470709. O valor por ação dos JCP complementar é de R$ 0,34011137994.

Os valores serão pagos em 28 de maio de 2021, tendo como base a posição acionária de 21 de maio de 2021, sendo as ações negociadas “ex” a partir de 24 de maio de 2021.

O banco estatal informou ainda que R$ 415.758.000,00 foram pagos, em 31 de março de 2021, a título de remuneração aos acionistas sob a forma de JCP, conforme fato relevante, de 26 de fevereiro de 2021.

A empresa pretende divulgar os resultados do 1T21 no dia 06 de maio.

Lucro do BB soma R$ 13,8 bilhões em 2020, queda de 22,2%

Banco do Brasil (BB) registrou lucro líquido ajustado de R$ 13,884 bilhões em 2020, queda de 22,2% em relação a 2019 com impacto da pandemia.

⇒ Confira a agenda completa da divulgação dos resultados do 4T20 e referente ao ano de 2020. Confira a cobertura completa de todos os balanços referente ao ano de 2020 das empresas negociadas na B3.

Segundo o BB, o lucro foi influenciado, principalmente, pelo aumento da PCLD ampliada em 47,6%, impactada, principalmente, pela antecipação de provisões prudenciais que somaram R$ 8,1 bilhões. Apesar disso, o Resultado Estrutural cresceu 5,9% o que demonstra a resiliência do desempenho operacional no período.

Deixe um comentário