Corretora Gemini passa a oferecer suporte para Dogecoin e valor ultrapassa R$ 3,00

LinkedIn

O Dogecoin (COIN:DOGEUSD) continuou sua ascensão rápida na terça-feira, quando o preço da moeda meme mais amada do mundo cruzou a barreira de US$ 0,50 pela primeira vez.

Na terça-feira, o valor do Dogecoin subiu de US$ 0,389421 para US$ 0,541900 – um aumento de 39% – o que marcou um novo recorde histórico para o DOGE. No par DOGE/BRL, o ativo superou os R$ 3,00.

Estimulado pela listagem na exchanges de criptomoedas eToro com sede no Reino Unido, uma estreia pendente na televisão no Saturday Night Live e uma estréia na Gemine, dos irmão Winklevoss, o Dogecoin continua a confundir os observadores que aceitaram a moeda como seu criador pretendia – ou seja, uma piada.

Mas Dogecoin está se revelando uma das piadas mais lucrativas no espaço das criptomoedas, como evidenciado por seu aumento milagroso desde o início do ano.

Em 1º de janeiro, Dogecoin foi avaliado em menos de um centavo. Pouco mais de quatro meses – e crescimento de 10.922% depois – a moeda agora está avaliada em pouco mais de meio dólar.

A rapidez do crescimento do Dogecoin talvez deva ser um sinal de alerta para os investidores em potencial, dada a queda de 50% do preço da moeda em meados de abril. Volatilidade semelhante foi observada em fevereiro, quando um tuíte de Elon Musk pareceu desfazer quase 25% do crescimento do Dogecoin em questão de horas.

Por Greg Thomson

Deixe um comentário