Rodrigo Limp defende privatização durante posse na Eletrobras

LinkedIn

O novo presidente da Eletrobras, Rodrigo Limp, reforçou durante a cerimônia de posse nesta sexta-feira (7) a necessidade de avançar com o processo de privatização da companhia, que o governo pretende fazer por meio de uma operação de aumento de capital. Limp também disse que vai dar continuidade às ações em curso na estatal, previstas tanto no planejamento estratégico da empresa quando no plano diretor de negócios e gestão elaborado pelo ex-presidente Wilson Ferreira Júnior.

O discurso do ex-secretário de Energia Elétrica do Ministério de Minas e Energia foi reforçado pelo ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, que destacou a necessidade de que a Eletrobras volte a realizar investimentos, assumindo o papel de protagonista nas transformações tecnológicas que já estão acontecendo no setor elétrico e na transição energética.

Assim como Limp, Albuquerque também elogiou os resultados obtidos na gestão de Ferreira Júnior. Ele lembrou que em dezembro de 2018 a estatal estava presente em 72 sociedades de propósito específico, criadas com a finalidade de administrar empreendimentos de geração e transmissão. Com o programa de venda dessas participações, a expectativa é reduzir o número de SPEs para 49 até o final de 2021.

Outro ponto em comum dos discursos foi a estimativa do Plano Decenal de Energia de que nos próximos dez anos terão de ser investidos R$ 365 bilhões em geração e transmissão de energia elétrica. Na visão do ministro, para que a empresa consolide sua liderança e protagonismo no setor ela terá de ser capitalizada para ser competitiva frente a outros agentes do setor na disputa por esses ativos.

Limp destacou os ganhos de eficiência operacional e a melhora em todos os indicadores econômico financeiros da companhia, citando ainda o bom desempenho dos indicadores técnicos e operacionais mesmo durante a pandemia. Ele também falou do papel fundamental da Eletronorte na recomposição do sistema do Amapá, após o apagão de novembro do ano passado.

A empresa (BOV:ELET3) (BOV:ELET6) pretende divulgar os resultados do 1T21 no dia 12 de maio.

Deixe um comentário