ADVFN Logo ADVFN

Não encontramos resultados para:
Verifique se escreveu corretamente ou tente ampliar sua busca.

Tendências Agora

Rankings

Parece que você não está logado.
Clique no botão abaixo para fazer login e ver seu histórico recente.

Hot Features

Registration Strip Icon for discussion Cadastre-se para interagir em nossos fóruns de ativos e discutir com investidores ideias semelhantes.

Saraiva (SLED4): prejuízo líquido de R$ 18,6 milhões no 1T21, queda de 63,3%

LinkedIn

A Saraiva, em recuperação judicial, registrou prejuízo líquido de R$ 18,6 milhões no primeiro trimestre deste ano, uma queda de 63,3% em relação às perdas de R$ 50,7 milhões registradas em igual período de 2020.

A receita líquida da companhia recuou 82,8%, para R$ 23,4 milhões. Segundo a empresa, além dos efeitos da pandemia, isso se deve também ao fechamento das lojas físicas. Nesse sentido, a Saraiva (SLED4) informa ainda que mantém a estratégia de menor faturamento com maior margem bruta e menores despesas variáveis.

Quanto às disponibilidades, a Saraiva (SLED4) informa ter adotado iniciativas para manutenção do caixa a fim de manter a operação em funcionamento. Nesse sentido, algumas delas são as seguintes:

– redução e suspensão da jornada de trabalho e suspensão do recolhimento do FGTS pelo período previsto na legislação;

– suspensão e renegociação de débitos vencidos e a vencer;

– revisão de contratos com fornecedores.

Ao final do primeiro trimestre de 2021, a Saraiva (SLED4) contava com 38 lojas ativas.

Segundo relatório do 1TRI21, o primeiro aditivo ao plano de recuperação judicial foi aprovado em Assembleia Geral de Credores ocorrida em 26 de fevereiro e homologado em 5 de março de 2021. Em paralelo, a companhia informou que está dando continuidade a ações com foco no e-commerce, otimização de processos de back-office e reestruturação das lojas.

Os resultados da Saraiva (BOV:SLED3) (BOV:SLED4) referente suas operações do primeiro trimestre de 2021 foram divulgados no dia 14/05/2021. Confira o Press Release completo!

Deixe um comentário