Fechamento Ibovespa: Bolsa termina em alta de 0,67% + todos os destaques de hoje (21/06/2021)

LinkedIn

A Bolsa de valores de São Paulo (B3) encerrou o dia em alta de 0,67% aos 129.264,96 pontos, na mínima o Ibovespa ficou em 128.047,98 e na máxima 129.412,49 pontos. O volume financeiro somou R$ 30,5 bilhões.

O Ibovespa encerrou o pregão companhando a forte recuperação da Bolsa de Nova York e puxado pelas ações da Petrobras PN, que subiram mais de 2% graças à alta do preço do petróleo no mercado internacional.

Em Wall Street, o índice Dow Jones encerrou o dia com o melhor desempenho em três meses, com ganhos puxados pelos papéis de energia diante da expectativa de melhor desempenho com a retomada econômica.

O dólar encerrou o dia em forte queda contra o real, refletindo a fraqueza da divisa norte-americana no exterior e a percepção de um cenário doméstico mais favorável para investimentos.

➡️ Veja o fechamento desta segunda-feira:

🇧🇷 IBOV: +0,67% / 129.264 pts
🏢 IFIX: -0,08% / 2.811 pts
💵 Dólar: -0,92% / R$ 5,0222
💶 Euro: -0,50% / R$ 5,9853
💰Bitcoin: -7,83% / R$ 163.185

🇺🇸 Nova York
Dow Jones: +1,76% / 33.876 pts
S&P 500: +1,40% /4.224 pts
Nasdaq: +0,79% / 14.141 pts

Acompanhe as altas e baixas da bolsa nos últimos dias:

Data Variação Pontuação Volume Financeiro
01/06/2021  1,63% 128.267,05   R$ 42,9 bilhões
02/06/2021  1,04% 129.601,44 R$ 46,2 bilhões
04/06/2021  0,40% 130.125,78  R$ 37,5 bilhões
07/06/2021 0,50% 130.776,27 R$ 38,4 bilhões.
08/06/2021 -0,76%  129.787,11  R$ 35,7 bilhões
09/06/2021 0,09%  129.906,80 R$ 39 bilhões
10/06/2021 0,13%  130.076,17 R$ 28 bilhões
11/06/2021 -0,49% 129.441,03 R$ 20,1 bilhões
14/06/2021  0,59% 130.207,96 R$ 31,3 bilhões
15/06/2021 -0,09% 130.091,08 R$ 26,6 bilhões
16/06/2021 -0,64% 129.259,49  R$ 93,7 bilhões
17/06/2021  -0,93%  128.057,22 R$ 37,8 bilhões
18/06/2021 0,27%  128.405,35 R$ 49,5 bilhões
21/06/2021 0,67% 129.264,96   R$ 30,5 bilhões

DESTAQUES DO IBOVESPA – (pregão à vista)

  • ALTAS IBOVESPA

PCAR3: +7,88% a R$ 40,38
COGN3: +5,03% a R$ 4,80
CVCB3: +4,91% a R$ 28,21
VVAR3: +3,82% a R$ 15,75
ELET6: +3,42% a R$ 47,42

  • BAIXAS IBOVESPA

GNDI3: -2,32% a R$ 84,67
CRFB3: -1,99% a R$ 21,65
ENBR3: -1,93% a R$ 18,80
B3SA3: -1,78% a R$ 17,07
ENGI11: -1,55% a R$ 47,75

Confira o ranking completo de todos os papéis negociados na B3.

Confira os destaques corporativos de hoje:

CCR (CCRO3)

A CCR divulgou seu boletim semanal de tráfego nas concessões rodoviárias que administra, além do braço de mobilidade urbana e aeroportos. Nas rodovias, o tráfego total aumentou 23,6% de 11 a 17 de junho deste ano, ante o mesmo intervalo do ano passado. Saiba mais…

CEEE-D (CEED3/CEED4)

A CEEE-D comunica que foram atendidas as condições precedentes ao aumento de capital aprovado na AGE realizada em 07 de dezembro de 2020, quais sejam, o sucesso do certame a ser realizado no âmbito do processo de desestatização da CEEE-D, a ser caracterizado com a homologação do vencedor do processo licitatório em questão e adjudicação de seu objeto; a aprovação do processo de desestatização da CEEE-D pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica, caso aplicável, mediante decisão definitiva; e a aprovação do processo de desestatização da CEEE-D pela Agência Nacional de Energia Elétrica. Saiba mais…

Cemig (CMIG3/CMIG4)

Gasmig (Companhia de Gás de Minas Gerais), controlada pela Cemig, informou que a Secretaria de Desenvolvimento Econômico do Estado de Minas Gerais, responsável pela regulação e homologação das tarifas do serviço de distribuição de gás canalizado, irá realizar licitação na modalidade de pregão eletrônico para prestação de serviços especializados de consultoria regulatória para aplicação da metodologia e dos demais procedimentos para revisão tarifária do serviço de distribuição de gás natural canalizado. Saiba mais…

Dimed (PNVL3/PNVL4)

A Dimed informa que foi encerrado, em 14 de junho de 2021, o período durante o qual os acionistas detentores de ações preferenciais de emissão da Companhia puderam solicitar a conversão de ações preferenciais de sua titularidade em ações ordinárias, na proporção de 0,8 de ação ordinária para cada 1 ação preferencial convertida. Saiba mais…

Eletrobras (ELET3/ELET5/ELET6)

A Eletrobras informou que a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) reconheceu em reunião no dia 15 de junho fixar o valor a ser reembolsado pela Conta de Consumo de Combustíveis (CCC) à Boa Vista Energia em R$ 103,8 milhões. Saiba mais…

O líder da Oposição na Câmara, deputado Alessandro Molon (PSB-RJ), reforçou que a Medida Provisória 1.031/2021, que abre caminho para a privatização da Eletrobras, deve enfrentar forte polarização na votação na Casa nesta segunda-feira, 21. Molon classificou a proposta como “absurdo” e afirmou que “permaneceremos firmes para impedir” a MP. Saiba mais…

Ex-diretor da mineradora Vale, o advogado Clovis Torres, sócio do escritório Souza, Mello e Torres, é o novo presidente de Furnas, subsidiária da Eletrobras, estatal que deve ser privatizada no início do próximo ano, se a Câmara dos Deputados aprovar, até a terça-feira, 22, a MP 1031, da capitalização da companhia. Saiba mais…

O relator da MP da Eletrobras na Câmara, Elmar Nascimento (DEM-BA), afirmou que manteve em seu parecer 95% do texto já aprovado pelo Senado e acrescentou que o relatório conta com o apoio da maioria dos líderes de bancada da Casa. Saiba mais…

Embraer (EMBR3)

A Embraer informou que a Eve Urban Air Mobility Solutions, Inc e a Skyports, companhia líder no segmento de vertiportos, anunciaram hoje uma parceria voltada ao desenvolvimento de soluções para as operações iniciais de mobilidade aérea urbana (UAM) na Ásia e nas Américas. Saiba mais…

Fras-le (FRAS3)

A Fras-le, controlada da Randon, teve receita líquida consolidada de R$ 204,1 milhões em maio, alta de 109,8% na comparação anual. Entre janeiro e maio o indicador foi de R$ 1,048 bilhão, alta de 109,2% sobre o mesmo período e 2020. Saiba mais…

Gafisa (GFSA3)

A Gafisa afirmou que não foi citada nos autos da ação judicial que requer a falência da companhia, formulada pela Amplaeng Engenharia e Montagens na 2ª Vara de Falências e Recuperações Judiciais de São Paulo. Saiba mais…

GPA (PCAR3)

O empresário Michael Klein está de olho nas ações do francês Cassino no grupo Pão de Açúcar. De acordo com matéria no site do jornal O Globo, segue os passos de Abílio Diniz e busca montar uma posição na companhia.

Hermes Pardini (PARD3)

A Hermes Pardini celebrou contrato para a aquisição compra do laboratório Paulo C. Azevedo, foi efetivada a transferência de 100% das quotas de emissão do Laboratório. O valor da transação é de aproximadamente R$ 127 milhões. Saiba mais…

JBS (JBSS3)

A JBS juntamente com a JBS USA LUX, pediu consentimento de titulares de notes para realizar aditamento na escritura das emissões externas. Saiba mais…

Méliuz (CASH3)

A Méliuz anunciou que avalia realizar uma oferta pública primária e secundária subsequente de ações. Saiba mais…

Oi (OIBR3/OIBR4)

A Oi e o consórcio Vivo, TIM e Claro encaminharam nesta semana ao Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) manifestações para rebater as críticas que sofrem de agentes de mercado contrários à transação entre as empresas. Saiba mais…

Petrobras (PETR3/PETR4)

A Petrobras desclassificou a norte-americana Excelerate Energy em licitação para arrendamento do Terminal de Regaseificação de Gás Natural Liquefeito (GNL) da Bahia (TR-BA) e instalações associadas, por não atendimento às regras do edital, segundo documento publicado no site da petroleira. Saiba mais…

Randon (RAPT3/RAPT4)

A Randon comunicou que a receita bruta total acumulada entre janeiro e maio de 2021, ficou em R$ 4,757 bilhões, alta de 98,3% em relação a 2020, o primeiro ano da pandemia. A receita líquida consolidada do período em 2021 ficou em R$ 3,297 bilhões, alta de 95,3% em relação ao mesmo período do ano anterior. Saiba mais…

Smartfit (SMFT3)

Em um setor que sofreu na pandemia, a rede de academias de ginástica Smartfit chega com bastante fôlego para seu IPO. A oferta, que deverá girar R$ 2 bilhões, já conta na largada com cerca de R$ 750 milhões, que virão da gestora Dynamo, do fundo canadense CPP e do GIC, o fundo soberano de Cingapura, que já se comprometeram com o investimento. A oferta está programada para a primeira semana de julho. Saiba mais…

Terra Santa Agro (TESA3)

A Terra Santa Agro teve aumento de R$ 85,5 milhões em seu capital social, para R$ 2,19 bilhões. O aumento ocorreu após o exercício de bônus de subscrição que geraram 7,1 milhões de novas ações. Saiba mais…

Yduqs (YDUQ3)

Yduqs, dona de universidades como a Estácio de Sá, tem um caixa reforçado com aproximadamente R$ 2 bilhões. Isto ocorre mesmo após a compra da edtech QConcursos. Com esse montante, a empresa mira compra de outras startups digitais de educação, além de outras instituições.

Outras notícias e comunicados

Há mais de 30 anos no mercado, a Multilaser é uma empresa familiar, comandada desde 2003 por Alexandre Ostrowiecki, filho do fundador. A empresa começou fabricando cartuchos para impressora e avançou para outros segmentos.

O Procon de São Paulo notificou nesta sexta-feira, 18, dez instituições financeiras e três entidades representativas do setor a respeito de brechas de segurança que têm permitido a ladrões de celular limpar a conta das vítimas mesmo sem obter senhas. São requisitados esclarecimentos sobre dispositivos de segurança, bloqueio, exclusão de dados de forma remota e rastreamento de operações financeiras disponibilizados aos clientes vítimas de furto ou roubo. Saiba mais…

Invepar e sua controlada Concessão Metroviária do Rio de Janeiro MetrôRio confirmaram que o MetrôRio integra o conjunto de ativos a serem eventualmente transferidos no âmbito do Acordo de Reestruturação da dívida da companhia. Saiba mais…

Banco Bradesco (BBDC4) disse que o retorno ao escritório deve gradual, dependendo da evolução de variáveis como ritmo de vacinação e contágio do vírus. Mas, dado o cenário de toda população adulta ser vacinada até dezembro, existe grande chance do trabalho presencial ser retomado em 2022, segundo reportagem do Valor.

Centro de Tecnologia Canavieira (CTCA3) encerrou a safra 2020/21 com lucro de R$ 224,9 milhões, mais que cinco vezes o do ciclo anterior, impulsionado pelos ganhos com royalties. A receita líquida, composta basicamente de pagamento de royalties, cresceu 38,1%, para R$ 337,9 milhões. Veja o comunicado na íntegra.

A nova empresa foi criada por Bayer, Basf, Corteva e Syngenta e será, em última instância, “responsável por testar os carregamentos de soja entregues pelos agricultores, além de monitorar e reportar vendas, além de outras atribuições. O Cade não identificou problemas concorrenciais com a estratégia das empresas para autorizar a criação da Cultive Biotec, informa o Valor.

(Com informações do Forbes Money e Momento B3)

Deixe um comentário