Dólar fecha em alta com investidores digerindo dados de inflação nos Estados Unidos

LinkedIn

O dólar comercial encerrou o dia em alta de 0,13% sendo cotado a R$ 5,180, para venda e a R$ 5,181 para compra, apresentando forte volatilidade na sessão de hoje, com investidores digerindo dados de inflação nos Estados Unidos, preocupação com a variante delta da covid-19 e também com a expectativa da temporada de balanços corporativos nos Estados Unidos, considerado um redar para a retomada da economia.

“O dólar reverte avanço, depois de chegar a ser negociado no patamar de R$ 5,22, diante do CPI [Indice de Preços ao Consumidor] americano mais alto do que o esperado. Yields dos Treasuries 10 anos também reverteram alta. Indice Dólar desacelera levemente seu avanço. Juros futuros seguem pressionados após inflação ao consumidor nos EUA subir 0,9%, maior patamar desde 2008”, explicou Régis Chinchila, analista da Terra Investimentos.

O índice de Preços ao Consumidor (CPI, na sigla em inglês) dos Estados Unidos subiu 0,9% em junho na comparação com o mês anterior, já descontados os fatores sazonais, segundo dados do Departamento de Trabalho do país. Analistas previam alta de 0,5%. Em maio, o índice subiu 0,6% em comparação com o mês anterior. Nos 12 meses até junho, o índice de preços ao consumidor subiu 5,4%. O mercado previa alta de 5,0% em base anual.

Pela manhã, o dólar comercial apresentava alta diante de um movimento global de valorização da moeda norte-americana frente a moedas de países emergentes e de países produtores de commodities.

“Lá fora o dólar ganha de seus pares e das moedas emergentes e ligadas as commodities. Aqui deveremos ter uma abertura em alta, acompanhando o desempenho visto no exterior, Internamente, além de olhar o cenário externo, agentes locais ficarão atentos ao novo texto da reforma do Imposto de Renda, que traz ajustes importantes negociados com Paulo Guedes e fluxos, que tem potencial para deixar o real descolado de outras moedas”, explicou Guilherme Esquelbek, da Correparti Corretora de Câmbio.

Na mínima do dia chegou a R$ 5,149 e na máxima a R$ 5,223. No futuro, o contrato com vencimento em agosto subiu 0,0% a R$ 5,1785 volta das 17h. Lá fora, o Dollar Index operava com alta de 0,52%.

Data Compra Venda Variação Variação
01/07/2021 5,0443 5,0453 1,45% 0,0721
02/07/2021 5,0523 5,0533 0,159% 0,008
05/07/2021 5,0868 5,0878 0,683% 0,0345
06/07/2021 5,2097 5,2102 2,406% 0,1224
07/07/2021 5,2393 5,2403 0,597% 0,0311
08/07/2021 5,2544 5,2554 0,288% 0,0151
12/07/2021 5,173 5,174 -1,246% -0,0653
13/07/2021 5,1804 5,1809 0,133% 0,0069

💵 Está pensando em viajar? Faça a conversão de moedas gratuitamente!

🇧🇷 – US$ 1 = R$ 5,17
🇪🇺 – US$ 1 = €$ 0,84
🇬🇧 – US$ 1 = £$ 0,72

Acompanhe como foi a evolução do dólar no último mês:

Gráficos GRATUITOS na br.advfn.com

(Com informações da TC,  UOl e Agencia CMA)

Deixe um comentário