Bom dia ADVFN - Com acordo da OPEP+ petróleo sofre fortes quedas e pedidos de impeachment na agenda

LinkedIn

Esse é o Bom dia, Investidor!  19 de Julho de 2021, com tudo o que você precisa saber antes da Bolsa abrir!

Bolsas mundiais: a semana começa negativa para os mercados internacionais em meio a preocupações com a alta da inflação, uma nova ameaça à demanda global por parte da variante delta e após decisão da Opep+ sobre produção de petróleo.

Na Ásia, os mercados fecharam em sua maioria em baixa. O índice da MSCI atingiu o menor valor em uma semana, com o Japão e Hong Kong apresentando desempenho inferior e as ações de tecnologia em dificuldades. Em Hong Kong, o índice Hang Seng fechou em queda de 1,84%; no Japão, o Nikkei recuou 1,25%; na China continental, o Shanghai composto se manteve estável, em 3.539,12; na Coreia do Sul, o Kospi recuou 1%. Opep+ decide aumentar produção mensal de petróleo em 400 mil bdp a partir de agosto. No domingo, a Opep (Organização dos Países Exportadores de Petróleo) e seus aliados (grupo frequentemente chamado de Opep+) chegou ao acordo de reduzir os cortes na produção de petróleo em 5,8 milhões de barris diários até setembro de 2022. A Opep afirmou que a expansão coordenada na produção de petróleo deve se iniciar em agosto. Até este momento de 2021, o barril de petróleo Brent subiu mais de 40%, em meio à alta da demanda com a retomada da economia após o impacto da pandemia.

Na Europa, os índices operam em baixa. O índice Stoxx 600, que reúne as ações de 600 empresas de todos os principais setores de 17 países europeus, tem queda de 1,2%, com destaque negativo para as ações de viagem e lazer, que recuam 2,%. Os investidores se mantêm atentos para a decisão da Opep+ em meio a sinais de inflação nos Estados Unidos. No continente europeu, a destruição causada por enchentes na Alemanha e na Bélgica pode afetar o sentimento nesta semana. Também há preocupação com a aceleração de novos casos de Covid, impulsionados pela variante delta, que é mais transmissível. Diversos países europeus estão voltando a implementar medidas de distanciamento social. Mesmo com números elevados de casos, o Reino Unido mantém os planos de suspender a maior parte das restrições.

Nos Estados Unidosos índices futuros americanos operam no terreno negativo. A queda nos rendimentos dos títulos da dívida podem ser um sinal de desaceleração na recuperação global, já que a variante do delta Covid-19 força algumas nações a impor novas restrições de mobilidade. A temporada de balanços corporativos segue firme nos EUA e a palavra “inflação” foi mencionada em 87% das teleconferências de lucros das empresas que integram o S&P de acordo com a Bloomberg, em comparação com 33% no mesmo período do ano passado. Nesta semana, nove empresas componentes do Dow e 76 componentes do S&P devem divulgar seus resultados trimestrais. Isso inclui nomes como: United Airines, American Airlines, Snap, Twitter, Johnson & Johnson, Coca-Cola, IBM, Intel e Netflix, entre outros. A Associação Nacional dos Construtores de Moradias dos Estados Unidos deve divulgar sua pesquisa sobre o sentimento no mercado de habitação. Economistas ouvidos pela Dow Jones esperam que o indicador permaneça em torno de 81. Qualquer patamar acima de 50 é considerado positivo.

==> Acompanhe os mercados mundiais pela ADVFN (aqui)

Os futuros internacionais de petróleo WTI (NYMEX:CLM21) estão sendo negociados a US$ 69,67, com baixa de 2,64%. O Brent (NYMEX:BZ) opera em baixa de 2,47%, negociado a US$ 71,77.

Bitcoin (COIN:BTCUSD) é negociado a US$ 31.419,85 (-0,95%). O ouro (COMEX:GCM21) é negociado a US$ 1.803,05 por onça-troy (-0,66%).

⇒ Bitcoin – Acompanhe o Mundo Cripto na ADVFN

Minério de ferro: Contratos futuros do minério de ferro negociados na bolsa de Dalian com queda de 1,49%, cotados a 1.225 iuanes, equivalente hoje a US$ 188,87 (nas últimas 24 horas).

Coronavírus

O mundo registra 190.441.654 de casos de coronavírus e 4.089.175 mortes, confirmadas pela Universidade Johns Hopkins.

Painel Vacinas Covid-19 Brasil:  Doses Distribuídas pela União: 147.335.238. Doses aplicadas: 117.544.905.

A França está aberta para brasileiros vacinados completamente com imunizantes aprovados pela Agência Europeia de Medicamentos (European Medicines Agency – EMA). Entre as vacinas aplicadas no Brasil, a Coronavac ainda está sendo analisada pelo órgão europeu. Os viajantes daqui autorizados a fazer turismo por lá não precisam cumprir quarentena tampouco apresentar exame PCR negativo, conforme informação do site do governo francês. Quem recebeu o imunizante da Janssen precisa aguardar 28 dias antes da viagem para a França. No caso das outras vacinas aceitas, a espera exigida é de sete dias.

A Inglaterra levanta nesta segunda-feira quase todas as restrições ligadas à pandemia, em um dia batizado de “Freedom Day”,  apesar do aumento do número de infectados, que preocupa cientistas e políticos. Desde a 0h local, os estabelecimentos e estádios podem voltar a funcionar com capacidade máxima, as casas noturnas podem aceitar mais pessoas, os pubs podem retomar o serviço de bar, e não há mais limite no número de pessoas que podem se reunir. O uso da máscara deixa de ser obrigatório, mas é recomendado nos transportes e lojas. O trabalho remoto deixa de ser a norma.

Poderes

Após receber alta, o presidente Jair Bolsonaro deixou ainda na manhã de domingo (18) o hospital Vila Nova Star, na zona Sul de São Paulo, onde estava internado desde a última quarta-feira (14) para tratar um quadro de obstrução intestinal. O presidente saiu do hospital e foi direto para o aeroporto. No começo da tarde, por volta de 12h20, Bolsonaro pousou em Brasília.

Disposto a esvaziar a pressão para autorizar o impeachment de Jair Bolsonaro, o presidente da Câmara, Arthur Lira (Progressistas-AL), articula com aliados a mudança no sistema de governo por meio de uma proposta de emenda à Constituição (PEC). A um ano e três meses das eleições de 2022 e sob a justificativa de que o presidencialismo virou uma fonte inesgotável de crises, a ideia apoiada por Lira e nomes de peso do mundo político e jurídico prevê a adoção do regime semipresidencialista no Brasil.

Em produção no Ministério da Economia, o texto da Reforma Administrativa é uma das promessas do governo federal para reorganizar o Estado brasileiro. Longe de virar projeto, no entanto, o que se sabe até o momento é que a pasta deve implementar um sistema de avaliação de desempenho dos servidores públicos, tendo como base metas a serem batidas. Segundo a Secretaria de Gestão e Desempenho de Pessoal do Ministério, a decisão de desligar o funcionário público que não cumprir suas metas será o último dos recursos. A secretaria indicou que a perda do cargo só ocorrerá em casos de “desempenho insuficiente” e não por um único período de avaliação.

Economia

A Caixa Econômica Federal distribuirá, em agosto, uma fatia do lucro de R$ 8,5 bilhões registrado pelo Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) em 2020. A quantia exata para os 83 milhões de cotistas do Fundo de Garantia será determinada pelo Conselho Curador do FGTS até o fim deste mês. O valor distribuído será menor do que o pago no ano passado, podendo chegar a R$ 5,9 bilhões. Em 2020, o valor distribuído aos trabalhadores com conta no Fundo de Garantia foi de R$ 7,5 bilhões, o equivalente a 66,3% do lucro de 2019. Neste ano, como a rentabilidade encolheu cerca de 25%, a quantia a ser distribuída deverá, pelo menos, garantir a correção monetária dos valores pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA).

Agenda Econômica

🇧🇷 Índice IPC- Fipe (05h00)
🇧🇷 Relatório Boletim Focus (08h25) ⭐️
🇺🇸 Índice do mercado imobiliário residencial NAHB mensal (11h00)
🇧🇷 Balança Comercial semanal (15h00)
🇯🇵 Índice de preços ao consumidor mensal e anual (20h30)

Ibovespa e dólar no último pregão:

Ibovespa:  

Referência do mercado brasileiro, o índice encerrou a sexta 16,  em queda de -1,18% aos 125.960,26 pontos, na mínima o Ibovespa ficou em 125.807,95 e na máxima 128.010,15 pontos. O volume financeiro somou R$ 30,3 bilhões.

O Ibovespa acompanhou o exterior e fechou em queda, mas ainda assim acumulou avanço de 0,4% na semana. O clima de cautela em Nova York contribuiu para o desempenho negativo na sessão, em dia de vencimento de opções sobre ações na Bolsa brasileira.

Maiores altas do Ibovespa

BTOW3: +4,15% a R$ 68,00
SBSP3: +2,12% a R$ 37,07
MRFG3: +1,56% a R$ 18,83
LAME4: +1,51% a R$ 20,90
RADL3: +1,46% a R$ 27,09

Maiores baixas do Ibovespa

EMBR3: -4,00% a R$ 17,54
CSNA3: -3,46% a R$ 44,70
AZUL4: -3,23% a R$ 40,50
BRKM5: -2,67% a R$ 60,43
GOLL4: -2,49% a R$ 21,58

Especial ADVFN –  Carteira Recomendada Julho/2021

Dólar    

dólar comercial: encerrou a sexta 16, em leve alta de 0,01% sendo cotado a R$ 5,115, para venda e a R$ 5,115 para compra, após forte volatilidade pela manhã, a cautela de hoje foi algo normal, mas tendo em vista os últimos dados de inflação nos Estados Unidos e o recesso parlamentar no Brasil, os investidores ficam ainda mais receosos. Vale lembrar também que há um monitoramento dos casos da variante Delta do coronavírus pelo mundo e os efeitos disso na retomada da economia global.

Juros

O DI para janeiro de 2022 ficou estável a 5,79%, o DI para janeiro de 2023 teve queda de três pontos-base a 7,25%, o DI para janeiro de 2025 recuou cinco pontos-base a 8,19% e o DI para janeiro de 2027 registrou variação negativa de quatro pontos-base a 8,59%.

Ifix   

O índice fechou a sexta 16,  em alta de 0,09%, aos 2.841,35 pontos. No desempenho semanal, o índice avançou 2.87%, terceira semana consecutiva de alta. Em julho o IFIX registra valorização de 3,14%. Já no acumulado de 2021, cai 0,53%. A movimentação financeira foi de R$ 198,47 milhões.

** Aqui estão todas as carteiras de Fundos Imobiliários para o mês de julho de 2021 **

Fonte: CNN, CNBC, Infomoney, TC, G1, Agência Brasil e BDM, estadão.

Deixe um comentário