Fechamento Ibovespa: Bolsa termina em alta de 0,45% + todos os destaques de hoje (19/08/2021)

LinkedIn

A Bolsa de valores de São Paulo (B3) encerrou o dia em alta de 0,45%, a 117.164,69 pontos, na mínima o Ibovespa ficou em 114.801,00 e na máxima 118.738,54 pontos. O volume financeiro foi de R$ 36,4 bilhões.

A reversão foi puxada por um movimento comprador em razão da desvalorização dos últimos dias e pela recuperação do mercado norte-americano.

A Bolsa brasileira chegou à mínima sob o impacto da queda dos preços das commodities, principalmente do aço, e dos ruídos políticos em Brasília. O adiamento da votação da reforma do imposto de renda, o impasse em torno do pagamento dos precatórios e os planos do governo de ampliar os gastos sociais com o Auxílio Brasil pesaram no Ibovespa nesta quinta-feira.

Entre as cinco companhias com as maiores perdas do dia, quatro são do setor siderúrgico: a CSN (CSNA3) lidera a lista, com queda de 5,78%, seguida por Vale (VALE3), com recuo de 5,71%, Usiminas (USIM5), com queda de 5,69%, e Gerdau (GGBR4), que registrou baixa de 3,52%.

Em Wall Street, o mercado ainda digere a ata da reunião do Federal Reserve, que indicou a retirada de estímulos à economia norte-americana já neste ano. Números positivos sobre o mercado de trabalho dos EUA, no entanto, deram fôlego aos índices de ações, como o Nasdaq e o S&P 500.

O dólar segue avançando contra o real e fechou o dia com alta de 0,87%, a R$ 5,4220 na venda. A valorização da moeda foi impulsionada pela sua força no exterior diante das incertezas sobre a política monetária nos EUA e disseminação da variante Delta da Covid-19, além do contínuo desconforto na cena doméstica.

➡️ Veja o fechamento desta quinta-feira:

🇧🇷 IBOV: +0,45% / 117.164pts
🏢 IFIX: -0,47% / 2.690 pts
💵 Dólar: +0,87% / R$ 5,4220
💶 Euro: +0,55% / R$ 6,3305
💰Bitcoin: +5,39% / R$ 252.079

🇺🇸 Nova York
Dow Jones: -0,19% / 34.894 pts
S&P 500: +0,13% / 4.405 pts
Nasdaq: +0,11% / 14.541 pts

Acompanhe as altas e baixas da bolsa nos últimos dias:

Data Variação Pontuação Volume Financeiro
02/08/2021  0,59%  122.515,74 R$ 28,4 bilhões
03/08/2021 0,86% 123.576,56 R$ 31,7 bilhões
04/08/2021 -1,43% 121.801,21 R$ 29,9 bilhões
05/08/2021 -0,13 121.632,92 R$ 37,7 bilhões
06/08/2021   0,97%  122.810,36 R$ 23 bilhões
09/08/2021   0,17%  123.019,38 R$ 25,6 bilhões
10/08/2021  -0,66%  122.202,47   R$ 26,7 bilhões
11/8/2021  -0,11  122.056,34 R$ 28,5 bilhões
12/08/2021   -1,11% 120.700,98  R$ 32,6 bilhões
13/08/2021 0,41% 121.193,75 R$ 30,4 bilhões
16/08/2021  -1,65%  119.180,03 R$ 33,8 bilhões
17/08/2021 -1,07%  117.903,81 R$ 37,5 bilhões
18/08/2021   -1,06% 116.642,62  R$ 37, 6 bilhões
19/08/2021 0,45%  117.164,69  R$ 36,4 bilhões

DESTAQUES DO IBOVESPA – (pregão à vista)

  • ALTAS IBOVESPA

CVCB3: +7,91% a R$ 19,10
LWSA3: +7,79% a R$ 24,36
TOTS3: +5,78% a R$ 36,60
RENT3: +5,31% a R$ 58,14
LCAM3: +5,17% a R$ 26,03

  • BAIXAS IBOVESPA

CSNA3: -5,78% a R$ 37,00
VALE3: -5,71% a R$ 97,51
USIM5: -5,69% a R$ 17,08
BRAP4: -5,33% a R$ 63,41
GGBR4: -3,52% a R$ 27,69

Confira o ranking completo de todos os papéis negociados na B3.

  • Confira os destaques corporativos de hoje:

3R Petroleum (RRRP3)

A 3R Petroleum celebrou contrato de aquisição da participação detida pela Galp no campo de Sanhaçu, localizado na Bacia Potiguar, no Estado do Rio Grande do Norte. O campo de Sanhaçu compõe o Polo Macau, cuja operação é realizada pela 3R Macau. Saiba mais…

Ambipar (AMBP3) 

A Ambipar apresentou à CVM pedido de oferta pública inicial de distribuição primária de ações de sua controlada Environmental ESG Participações, que atua no segmento de soluções ambientais para gestão e valorização de resíduos pós e pré-consumo e na gestão de gases do efeito estufa e originação de créditos de carbono. Saiba mais…

Bahema (BAHI3) 

A Bahema aprovou o desdobramento de ações ordinárias de emissão da companhia, na proporção de 1 ação ordinária para 5 ações ordinárias, sem alteração no valor do capital social. Saiba mais…

BRF (BRFS3) 

A companhia de alimentos BRF inaugurou uma nova fábrica de salsichas localizada em Seropédica (RJ), com investimento em torno de R$ 300 milhões, atenta a uma demanda excedente pelo produto que ganhou fôlego durante a pandemia da Covid-19.

Br Distribuidora/Vibra Energia (BRDT3)

A partir de hoje a BR Distribuidora passa a se chamar Vibra Energia. O novo nome foi anunciado há pouco durante uma Live com a participação do presidente da companhia, Wilson Ferreira Junior. Ele disse que o nome remete a um novo posicionamento de mercado da empresa, que quer agora ser vista como uma companhia de energia voltada à econômica de baixo carbono. Saiba mais…

Copel (CPLE6) 

A Copel, Companhia Paranaense de Energia, anunciou novo um programa de demissão incentivada. A companhia afirma que 350 empregados se enquadram nos requisitos da adesão e que provisionou para a movimentação provisões que somam R$ 80,6 milhões. Saiba mais…

Even Construtora (EVEN3) 

Even Construtora encerrou o seu programa de recompra de ações, iniciado no dia 12 de agosto. A companhia conseguiu adquirir 3 milhões de ações ordinárias, 100% do que a reunião do seu Conselho Administrativo havia previsto. Saiba mais…

Guararapes (GUAR3)

A Guararapes autorizou diretoria da companhia a apresentar pedido de migração para o Novo Mercado à B3.

JBS (JBSS3) 

A JBS informou que a agência de rating Standard & Poor”s (S&P) revisou a perspectiva de escala global da companhia de estável para positiva, dadas as melhorias de governança e indicadores financeiros, e afirmou a classificação de crédito da JBS em BB+.

Petrobras (PETR3/PETR4)

A Petrobras ampliou a oferta de combustíveis para térmicas, o que permitiu aumentar, em nove meses (de setembro de 2020 a junho de 2021), a geração termelétrica de suas usinas e de clientes de cerca de 2 mil megawatts (MW) para quase 8 mil MW, informou a estatal. Saiba mais…

A Petrobras retomou o processo de arrendamento do seu Terminal de Regaseificação de Gás Natural Liquefeito (GNL) na Bahia para a texana Excelerate Energy, única a apresentar proposta em uma licitação do ativo feita em junho. Saiba mais…

Rede D´Or (RDOR3) 

A Rede D’Or planeja fazer uma captação de até R$ 1,5 bilhão, segundo matéria do jornal Valor Econômico. Os recursos seriam captados com emissão de debêntures e ajudaria na compra da Alliar.

Sinqia (SQIA3)

A Sinqia, provedora de tecnologia e inovação para o mercado financeiro, anunciou parceria com a TechRules. A parceria será por meio do Torq Ventures – programa de Corporate Venture Capital (CVC) da empresa. Saiba mais…

Vale (VALE3) 

A Vale comentou a notícia de que o Ministério Público do Estado de Minas Gerais (MPMG) propôs um incidente de desconsideração da personalidade jurídica da Samarco, no qual requereu que suas duas sócias fossem integradas ao processo de recuperação judicial em curso. Saiba mais…

Vale assinou um Memorando de Entendimento com a Ternium no qual ambos concordaram em buscar oportunidades para desenvolver soluções para a siderurgia focadas na redução das emissões de CO2. Saiba mais…

  •  Outras notícias e comunicados

O conselho de administração da Ambipar (AMBP3) recebeu uma carta de renúncia da diretora presidente da companhia, Izabel Cristina Andriotti Cruz de Oliveira. Veja o comunicado.

Light (LIGT3) destituiu o diretor de Relações com Investidores, Roberto Caixeta Barroso. O posto será ocupado interinamente pelo diretor-presidente da empresa, Raimundo Nonato Alencar de Castro. Veja o comunicado.

A Companhia Brasileira do Alumínio – CBA (CBAV3) planeja investir R$ 4 bilhões no aumento da produção. Segundo o jornal Valor Econômico, a companhia pretende empregar o montante, até 2025, na elevação da produção de alumínio, em São Paulo, e de bauxita, no Pará.

Petrorecôncavo (RECV3) avalia a compra de mais dois ativos da Petrobras (PETR3/PETR4). E para custear essas potenciais aquisições pode recorrer a um follow-on. De acordo com o Valor Econômico, o CEO da empresa, Marcelo Magalhães, diz que os alvos são campos maduros de Carmópolis, no Sergipe, e o Polo Bahia.

Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) recebeu inscrição das primeiras seis empresas para a 17ª Rodada de Licitações de blocos para exploração e produção de petróleo e gás natural, prevista para 7 de outubro. Saiba mais…

A Superintendência-Geral do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou sem restrições a aquisição da Companhia de Alimentos Uniaves pela Pif Paf, nome fantasia da empresa Rio Branco Alimentos. A decisão está publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta quinta-feira, 19. Saiba mais…

(Com informações do Forbes Money e Momento B3)

Deixe um comentário