Ouro fecha em baixa aguardando os dados econômicos do EUA

LinkedIn

O contrato mais líquido do ouro fechou em baixa nesta terça-feira, 3, em sessão na qual o mercado aguarda a publicação dos dados de emprego dos Estados Unidos em julho e observa os posicionamentos do Federal Reserve (Fed, o banco central americano). O recuo hoje ocorre a despeito da queda nos rendimentos longos dos Treasuries, o que costuma fornecer algum apoio ao ouro.

O ouro para dezembro, que agora é o contrato mais líquido, fechou em baixa de 0,44%, cotado a US$ 1.814,1 a onça-troy, na Comex, divisão de metais da New York Mercantile Exchange (Nymex).

Na visão do Commerzbank, os participantes do mercado de ouro “parecem estar esperando por um novo ímpeto dos dados do mercado de trabalho dos EUA”. Amanhã, 4, o relatório ADP sobre as vagas no setor privado americano e na sexta-feira, 6, o Payroll do país devem dar maiores indicações aos preços.

O diretor do Fed Christopher Waller afirmou nesta segunda, 2, que o chamado “tapering”, ou seja, a redução das compras de títulos, já poderia começar em setembro, se os próximos dois relatórios do mercado de trabalho forem firmes na criação de vagas.

“Em nossa opinião, a discussão sobre o ‘tapering’ e o momento em que ele é finalmente anunciado provavelmente pesarão mais no preço do ouro do que a própria redução das compras de títulos”, avalia o Commerzbank.

Para o banco alemão, os preços do metal em breve irão adotar um direcionamento mais claro. “Os rendimentos reais negativos, que para os títulos de dez anos nos EUA permanecem no nível recorde de -1,18%, apontam para preços mais altos do ouro”, afirma o Commerzbank.

(Com informaçõe do Tc e estadão)

Deixe um comentário