Conheça a criptomoeda do game GALA, que cresceu 150% nas últimas 24 horas

LinkedIn

No mercado cripto, um bom projeto aliado ao anúncio de listagem em uma exchange importante costumam ter impacto imediato sobre o preço de um ativo. Agora, a Gala Games, blockchain que pretende oferecer um ecossistema completo para o desenvolvimento de games e a criação de NFTs, é a bola da vez.

Desde a listagem na Binance no começo desta semana, a sua moeda nativa, GALA, valorizou-se em mais de 400% e nas últimas 24 horas registrou uma alta intradiária de aproximadamente 150%.

Gráfico diário Gala/USDT desde a listagem na Binance. Fonte: Trading View

Em agosto, a Gala Games havia se expandido para além da rede Ethereum, passando a operar também na Binance Smart Chain. Anteriormente, o protocolo já firmara uma parceria com a rede de segunda camada Polygon. Esses dois movimentos permitiram que o GALA se beneficiasse da diminuição no valor das taxas sobre transações e também pode ter favorecido o seu recente aumento de preço.

Não é só o timing perfeito que explica o sucesso recente da Gala Games. O princípio fundamental é o mesmo de outros protocolos do setor de jogos em blockchain, mas a startup tem como idealizador o cofundador da Zynga, uma empresa de jogos convencionais gratuitos para aplicativos móveis cujo maior hit é o Zynga Poker.

Eric Schiermeyer traz sua experiência no desenvolvimento de jogos ao mesmo tempo simples mas com grande apelo poupular para o universo dos games em blockchain no modelo “jogar-para-ganhar” (play-to-earn). Apesar do sucesso do Axie Infinity, jogos blockchain têm um problema que ainda está por ser resolvido pela indústria cripto.

Se por um lado, a tecnologia transparente e segura que permitiu o desenvolvimento do modelo “jogar-para-ganhar tornou-os mais atraentes para os jogadores, por outro há uma barreira tecnológica que ainda impede uma adoção mais ampla. E esse é o desafio que a Gala Games ambiciona superar, afirmou Schiermeyer em entrevista ao site “Venture Beat”:

Quando os desenvolvedores de blockchain criam jogos, eles tendem a fazer jogos da perspectiva de um desenvolvedor de blockchain, o que significa que eles costumam fazer jogos ruins. O que nós fazemos, sob a perspectiva de desenvolvedores que desenvolvem interfaces para blockchain, é oferecer aos usuários a funcionalidade minimizando a dor e o sofrimento do processo de integração que eles normalmente encontram. Abordando as coisas dessa forma, torna-se muito mais fácil atrair mais usuários. Construir para a massa é algo crítico em que estamos nos concentrando. ”

Para isso, a empresa se propõe a criar um ecossistema completo para desenvolvedores e jogadores em sua plataforma. Além de criar seus próprios jogos, a blockchain da Gala Games é aberta para que outros desenvolvdores possam valer-se de suas funcionalidades criando aplicações que agregam valor ao protocolo como um todo, incluindo o seu token nativo e os NFTs, conforme explicou o executivo à Venture Beat:

“O interessante é que tudo o que fazemos está alinhado àqueles que participam [do nosso ecossistema). No mundo dos jogos convencionais, os desenvolvedores estão fundamentalmente em desacordo com os jogadores. Eles criam restrições financeiras que podem ser tão frustrantes que o jogador não conseguirá progredir. Mas a maneira como funciona em jogos de blockchain é que nós nos beneficiamos tanto quanto os jogadores se beneficiam se as coisas que criamos se tornam mais valiosas. Portanto, queremos que essa espada épica valha mais dinheiro do que vale hoje mais adiante. Sabemos que se mantermos alguns deles em nossa tesouraria, poderemos vendê-los a um preço mais alto mais tarde. Portanto, não vamos realmente trabalhar contra o jogador, que também vai se beneficiar disso. Isso nos libera para voltar à forma como os jogos costumavam ser desenvolvidos, onde você torna a experiência mais divertida possível para as pessoas. E é puramente a maneira mais ética de fazer jogos. ”

GALA

O GALA (COIN:GALAUSD) é um token utilitário que serve para aquisição de itens em jogos específicos e de NFTs criados pela Gala Games. O estoque total de GALA está definido em 35 bilhões de unidades. Atualmente, existem cerca de 7 bilhões de GALA em circulação, de acordo com o CoinMarketCap.

Uma quantidade de 17.123.286 novos tokens são distribuidos diariamente, metade cabe aos validadores de nó da blockchain da Gala Games e a outra metade é fracionada entre os conselheiros da empresa. Anualmente, em 21 de julho, o GALA tem sua emissão reduzida pela metade.

Town Star

Por enquanto, há apenas um jogo em pleno funcionamento. “Town Star” é um jogo de simulação nos moldes de Sim City e FarmVille, este desenvolvido pela Zynga, em que os jogadores tem como objetivo transformar uma pequena fazenda em uma cidade desenvolvida.

O jogo é gratuito – não é necessário fazer um investimento inicial para começar a jogar, ao contrário do Axie Infinity, por exemplo. Basta criar uma conta no site da Gala Games, fazer o cadastro e escolher um lugar vago no mapa para localizar a sua fazenda e nomeá-la.

A partir daí, o destino está nas mãos dos jogadores. Caberá a eles fazer a gestão dos recursos disponíveis e definir quais os melhores empreendimentos para o desenvolvimento urbano de suas propriedades rurais.

Competições semanais distribuem GALA para os melhores jogadores. Além se serem usados para aquisição de itens do próprio jogo, também podem ser trocados por NFTs ou negociados em exchanges, transferindo seus lucros para o mundo real. Os NFTs, por sua vez, servem como moeda de troca no ambiente do jogo.

NFT

Em 11 de agosto, a Gala Games realizou as vendas iniciais de sua primeira coleção de avatares NFT – a VOX. Seguindo os moldes de outras coleções bem sucedidas, a oferta inicial disponibilizou 8.888 VOX ao preço médio de 0,0888 ETH (R$ 1.420). A coleção se esgotou em menos de oito minutos, convertendo-se imediatamente em um sucesso absoluto.

A promessas dos desenvolvedores da Gala Games é que os colecionáveis da VOX tenham outras utilidades, além de ser apenas mais um entre tantos avatares NFT. Seus proprietários poderão bloquear GALAs aos seus avatares, utilizá-los em jogos da plataforma e assim ganharem VOXcoins em função de seus desempenhos. Outra funcionalidade prometida é a permissão que permitirá aos proprietários fazerem animações de seus avatares utilizá-los no formato de modelos 3D no metaverso futuramente.

A redefinição do conceito de propriedade no ambiente digital é um ponto fundamental para que o sucesso da nascente indústria de games em blockchain possa ir além do universo cripto, segundo declarou o líder de design de jogos da Gala Games:

“Há um grande buraco negro onde os jogadores estão despejando bilhões e bilhões e bilhões de dólares todos os anos. Como desenvolvedor, parece a coisa certa a fazer. Se alguém gasta muito dinheiro no seu jogo, ele deve ser o proprietário do conteúdo pelo qual pagou.”

Novos jogos

O próximo lançamento da Gala Games será “Mirandus”, um jogo no estilo RPG ambientado em um mundo governado por cinco jogadores-monarcas.

No jogo, os ativos possuídos por cada jogador terão um papel central na mecânica do jogo. Embora “Mirandus” ainda não tenha sido lançado, os jogadores já podem adquirir títulos de propriedade sobre vastas extensões territoriais, reivindicando os direitos e determinando as leis sobre seus domínios. Esses títulos são emtidos na forma de tokens não fungíveis (NFTs).

Outros títulos já anunciados são: “Echoes of Empire”, um jogo de estratégia em um cenário futurista de ficção científica no qual toda uma galáxia está em guerra, que segue a mesma linha do popular “Alien Worlds” e do aguardado “Star Atlas”; e “Spider Tank Project” é um jogo em estilo MOBA (Multiplayer Online Battle Arena) no qual os jogadores escolhem um entre diversos tipos de robôs para fazer parte de um time e combater os oponentes.

Por Caio Prati Jobim

Deixe um comentário