Log-In vai cooperar com o fornecimento de dados pedidos pelo Cade sobre proposta de OPA feita pela MSC

LinkedIn

A Log-In comunicou que vai cooperar com o fornecimento de dados pedidos pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) em relação à proposta de oferta pública de aquisição (OPA) feita pela Sas Shipping Agencies Services Sàrl, subsidiária integral da suíça MSC.

O comunicado foi feito pela empresa (BOV:LOGN3) nesta segunda-feira (21).

Em nota enviada à CVM, a companhia também disse que vai prestar aos representantes da MSC esclarecimentos sobre informações públicas divulgadas por ela.

No dia 15 de setembro, a empresa suíça mostrou interesse em adquirir entre 62% e 67% do controle da Log-In. Para isso, ela está disposta a pagar, até o momento, R$ 25 por cada ação ordinária da brasileira.

Após o contato inicial, a gestora Alaska Investimentos, que detém cerca de 45% da Log-In, aceitou as condições da OPA lançada pela Sas.

Desde o interesse mostrado em adquirir os ativos da companhia, os papéis da Log-In (LOGN3) tiveram um salto de quase 42% na última semana na Bolsa de Valores de São Paulo, a B3.

Para os analistas do Goldman Sachs, a proposta é positiva para a brasileira, uma vez o preço inicialmente sugerido na oferta de aquisição representa um prêmio de mais de 60% ao atual patamar e de 20% sobre o preço-alvo do banco.

Informações Trademap

Deixe um comentário