9 ERROS DO TRADER INICIANTE E COMO EVITÁ-LOS

LinkedIn

A vida do trader, principalmente do iniciante, por muitas vezes é cercada de armadilhas. Operar no mercado financeiro não é tão fácil como muitos imaginam (e até vendem), porém, conhecendo alguns dos erros que mais são cometidos por quem está iniciando, podemos iniciar com um passo à frente, tendo esse conhecimento como peça-chave para superar os desafios e entrar no mercado de maneira estratégica. Com isso, trouxemos algumas dicas do que não fazer ao realizar suas operações.

Achar que vai ganhar dinheiro fácil no mercado e que pode largar rapidamente o emprego e viver de trade 

Muitas vezes, quem acabou de conhecer o mercado acha vai ganhar muito dinheiro e de forma rápida. Porém, a realidade não é bem essa. Vencer e lucrar no mercado é possível sim, porém exige conhecimento, tempo de aprendizado e de prática. Não pense que vai resolver sua vida em 1 mês. Por isso, tenha uma reserva de emergência ou outra fonte de renda no início, muitas pessoas inclusive só operam para complementar sua renda principal.

Pular etapas

Este é outro erro que muito tem a ver com o anterior. Cuidado para não deixar o entusiasmo excessivo te contagiar e querer começar a operar seu dinheiro antes de ao menos conhecer bem a plataforma operacional, o ativo que irá operar, ter uma técnica e gerenciamento emocional e de risco. É importante conhecer o mercado que está operando, ter uma estratégia e respeitar seu tempo de aprendizado.

Achar que vai encontrar uma técnica infalível

Errar faz parte do jogo! Não tente encontrar uma fórmula infalível pois ela não existe. É importante encontrar uma estratégia que funcione (sabendo que não será 100% das vezes) e uni-la a uma boa gestão de risco e a uma mentalidade adequada para se obter consistência. Muitas vezes esses dois pilares podem ser até mais importantes do que a própria estratégia.

Mas, ainda sobre os trades que não dão certo, é importante saber que é inevitável que isso aconteça. É como se você fosse o vendedor de uma loja e não conseguisse fechar todas as vendas. Isso é normal e pode acontecer durante sua jornada. Tente levar isso numa boa e vá adequando sua estratégia de acordo com momentos específicos do mercado. Agora, se você está errando demais, aí realmente pode ser a hora de fazer uma avaliação melhor da sua técnica. Mas, no geral, saiba utilizar e respeitar seus stops, sabendo que uma hora ou outra eles serão sim acionados.

Indisciplina

Muitos traders acabam deixando o emocional falar mais alto e se perdem realizando operações sem sentido, muitas vezes com lotes maiores do que poderiam, sem planejamento. E essa “rebeldia” é outro grande erro cometido por muitos traders iniciantes e até por alguns com mais tempo de mercado. Nesse ponto, a dica é: não se exponha com um valor que não pode perder. Tenha planejamento e respeite-o. Determine o quanto você pode perder no dia e no mês. Muitas vezes a indisciplina nos leva a “ganhar no pingo e perder no balde”. Cuidado para não virar torcedor na perda e eufórico demais no ganho. Tenha paciência, respeite também os seus alvos e não apenas os stops. O melhor caminho é o autoconhecimento e o autocontrole.

Esquecer da gestão de risco

Tente ganhar mais quando você está certo e perder menos quando está errado. Ou seja, tenha uma boa relação risco retorno nas operações. Muitas vezes o percentual de acerto não será a peça chave para a consistência, mas sim saber maximizar seus bons resultados e tentar minimizar as perdas. Uma boa relação risco/retorno nas operações pode fazer total diferença. O ideal é conseguir, no mínimo, 1,5 x 1. Por exemplo, ganhar 150 quando estiver certo e perder 100 quando estiver errado. É claro que quanto maior a relação risco/ retorno, melhor. Porém com 1,5 pra 1, já temos um bom começo.

Achar que deve operar todos os dias

Muitas vezes não operar também é operar. Ou seja, há alguns dias em que o mercado está muito volátil por notícias e indicadores que estão saindo ou que o mercado está muito parado por conta de um feriado nos EUA, por exemplo. Nesses casos, é recomendável segurar a ansiedade de operar que muitas vezes está presente e verificar se realmente vale a pena se arriscar em um dia de baixa liquidez ou de excesso de volatilidade.

Começar a operar na conta real

Use os simuladores a seu favor, tanto para testar sua técnica como para se familiarizar com a plataforma e evitar erros operacionais, que também são muito comuns.

Reaplicar tudo que você ganhou novamente no mercado

Realoque o seu lucro em outros investimentos, não continue sempre reaplicando no mercado, pois, se você tomar um “tombo”, vai ser muito pior.

Achar que preciso de uma plataforma profissional para operar poucos contratos 

O trader iniciante, que opera de 1 a 5 minicontratos no dia, não precisa se preocupar em contratar uma plataforma profissional nesse começo, pois o custo da plataforma pode pesar. É possível operar através do Home Broker, que é gratuito, principalmente se for seguir operações recomendadas por nós analistas, em nossa sala ao vivo. Ou até mesmo escolher uma plataforma mais em conta, como o Max Trader e o Tryd Trader.

Conhecendo estes erros e tentando sempre evitá-los, podemos estar um passo à frente de muitos traders que estão começando. No início, é importante ter foco no aprendizado, depois em ganhar dinheiro. Comece operando pequeno, não seja ganancioso, use e respeite seus stops, saiba que é preciso ter controle emocional.

Para mais dicas sobre o mercado, confira a Sala Ao Vivo da Nova Futura Investimentos no Youtube! Nossos especialistas operam em tempo real durante todo o pregão, sempre trazendo os principais pontos do mercado e dando direcionamentos que irão te ajudar em seus trades.

Deixe um comentário