Confira as principais manchetes dos jornais desta quinta-feira (21/10/2021)

LinkedIn

As manchetes de hoje:

VALOR

🗞 ️Guedes quer “licença” para gastar R$ 30 bi fora do teto — O ministro disse ontem que o governo deve pedir autorização ao Congresso para usar R$ 30 bilhões fora do teto de gastos e garantir benefício de R$ 400 no Auxílio Brasil. A fala de Guedes trouxe turbulência ao mercado, impactando os juros futuros, precificando uma Selic entre 11,25% e 11,5% no fim de 2022.

🗞 ️Bolsa dos EUA atrai fintechs brasileiras — IPO do Nubank, que pode sair com valor de mercado entre US$ 50 bi e US$ 70 bi, ilustra o movimento que já foi feito por algumas empresas brasileiras que têm a tecnologia no foco do negócio e que tende a ganhar força nos próximos meses, diante do enfraquecimento do mercado doméstico.

🗞 ️Tarifa em Santos deve cair 30% com privatização — A privatização do Porto de Santos, por onde passam 28% de todo o comércio exterior brasileiro, prevê R$ 16 bilhões em investimentos e propiciará uma queda imediata de 30% da principal tarifa paga pelas companhias de navegação. Vencerá o leilão, previsto para o fim de 2022, quem oferecer a maior outorga.

O GLOBO

🗞 ️“Uma monstruosa tragédia” — As 1.180 páginas do relatório do senador Renan Calheiros entre ontem à CPI registram a história da mais letal crise sanitária já vivida pelo país e responsabiliza o presidente Jair Bolsonaro, outras 65 pessoas e duas empresas pela gestão desastrosa da pandemia que levou à morte mais de 604 mil brasileiros.

🗞 ️Auxílio em ano eleitoral deve furar o teto de gastos — O governo confirmou que elevará para R$ 400 o valor do Bolsa Família, rebatizado de Auxílio Brasil e que será pago até dezembro de 2022, mas ainda não encontrou recursos para financiá-lo. Guedes não descarta pedir ao Congresso licença para gastar e pagar parte do benefício fora do teto.

🗞 ️Câmara rejeita PEC que reduz autonomia do MP — Por 297 votos a 182, os deputados rejeitaram em primeiro turno a versão do relator Paulo Magalhães (PSD-BA) da PEC que aumenta a influência do Congresso na composição do CNMP. Defendida por Lira, a proposta é rechaçada por procuradores e promotores.

ESTADÃO

🗞 Guedes fala em “licença para gastar” R$ 30 bi fora do teto — O governo confirmou o valor de R$ 400 para o Auxílio Brasil, a ser pago a 16,9 milhões de famílias até o fim de 2022. Para isso, Paulo Guedes admitiu a necessidade de uma “licença para gastar com essa camada temporária de proteção” R$ 30 bilhões fora da regra do teto. Esta foi a primeira vez que Guedes reconheceu em público que precisará driblar a regra para cumprir o que Bolsonaro determinou.

🗞 CPI indicia Bolsonaro por crime contra a humanidade  — Relatório de Renan Calheiros aponta presidente como principal responsável por supostos erros na gestão da pandemia.

FOLHA

🗞 Prevent reage e governistas veem enviesamento — A Prevent Senior contestou o relatório da CPI da Covid e chamou as acusações de linchamento público. O líder do governo na Câmara, Ricardo Barros, disse não haver uma vírgula que o compromete e que processará Renan Calheiros.

🗓 AGENDA ECONÔMICA 🗓

🇺🇸 Pedidos de seguro-desemprego semanal (09h30) ⭐️
🇺🇸 Índice de atividade industrial do Fed de Filadélfia mensal (09h30)
🇧🇷 Tesouro Nacional – Leilão de Títulos (10h30) ⭐️
🇪🇺 Confiança do consumidor mensal (11h00)
🇺🇸 Variação de vendas de casas usadas mensal (11h00)
🇬🇧 Índice GfK de confiança do consumidor mensal (20h01)
🇯🇵 Índice de preços ao consumidor mensal e anual (20h30)
🇯🇵 PMI composto, de serviço e industrial mensal (21h30)
(fonte BDM)

Deixe um comentário