Alibaba e JD.com batem recorde de US$ 139 bilhões em vendas no evento Singles Day

LinkedIn

Os gigantes do comércio eletrônico chinês Alibaba (NYSE:BABA) e JD.com (NASDAQ:JD) estabeleceram novos recordes de vendas em suas plataformas no Singles Day, o maior evento de compras do mundo.

As ações da JD subiram cerca de 4,6% nas negociações da tarde em Hong Kong na sexta-feira, enquanto as ações da Alibaba caíram cerca de 1,8%.

Na B3, o Alibaba e o JD.com são negociados através do ticker (BOV:BABA34) e (BOV:JDCO34), respectivamente.

As vendas recordes ocorrem apesar das preocupações com a força do consumidor chinês e com o impacto da repressão de Pequim sobre as empresas de tecnologia.

Embora o Singles Day, também chamado de Double 11, costumava ser apenas um tipo de venda instantânea de 24 horas, ele se transformou em uma extravagância de vários dias, terminando à meia-noite de 11 de novembro. JD começou as vendas no final de outubro enquanto o Alibaba começava no início de novembro. Esse período prolongado ajudou as empresas a continuar a aumentar as vendas.

O Alibaba disse que o volume bruto de mercadorias (GMV) durante o período de 11 dias totalizou 540,3 bilhões de yuans (US$ 84,54 bilhões), um salto de mais de 8% em relação aos 498,2 bilhões de yuans do ano passado .

O JD disse que o volume de transações em sua plataforma totalizou 349,1 bilhões de yuans (US$ 54,6 bilhões) durante o período do Singles Day, um aumento de 28% em relação aos 271,5 bilhões de yuans registrados no ano passado.

O GMV e o volume de transações não se traduzem em receita direta para JD e Alibaba. Eles também não contabilizam itens devolvidos. Os números referem-se ao volume de transações em ambas as plataformas.

Eles, no entanto, indicam o apetite dos consumidores chineses por fazer compras nas plataformas dos gigantes do comércio eletrônico.

‘Responsabilidade social’

Apesar dos grandes números de vendas, o Singles Day foi um pouco mais “silencioso” este ano. As empresas chinesas de tecnologia continuam enfrentando intensa fiscalização dos reguladores. O presidente Xi Jinping também defendeu a chamada prosperidade comum ou riqueza moderada para todos.

JD e Alibaba elogiaram a responsabilidade social e ambiental durante o evento, alinhando-se com as prioridades de Pequim.

“Neste 11,11 Global Shopping Festival, entregamos um crescimento estável e de qualidade que é um reflexo da economia de consumo chinesa dinâmica”, disse Yang Guang, vice-presidente da Alibaba, em um comunicado à imprensa.

“Também alavancamos o poder do 11.11 como uma plataforma para cumprir nossa responsabilidade social. O festival deste ano foi um marco significativo como parte do nosso compromisso com a construção de um futuro sustentável”.

A JD, entretanto, disse que reduziu as emissões de carbono em 26.000 toneladas durante o período do Singles Day em comparação com o ano passado, destacando suas credenciais ambientais.

O que as pessoas compraram?

A JD disse que viu um aumento nas compras de produtos de luxo e artigos relacionados a animais de estimação.

Os produtos da Apple tiveram vendas elevadas. JD disse que o volume de transações de iPhones ultrapassou 100 milhões de yuans em 2 segundos após o início das vendas finais em 10 de novembro.

Tanto a Alibaba quanto a JD disseram que viram crescimento em cidades chinesas menores, um foco importante para as empresas de comércio eletrônico à medida que buscam aumentar suas bases de usuários.

Os usuários dos chamados “mercados de nível inferior” representaram 77% de todos os compradores durante o período do Singles Day, disse a JD. A empresa disse ter visto um “rápido crescimento do consumo” desses mercados em eletrodomésticos, medicamentos e decoração.

(Com CNBC)

Deixe um comentário