Bitmain lança o melhor minerador de Bitcoin do mundo que minera 0.02454 BTC por mês, mais de R$ 8 mil reais

LinkedIn

A Bitmain, maior fabricante global de equipamentos para mineração de Bitcoin (BTC), anunciou na World Digital Mining Summit em Dubai, o mais novo produto da empresa, o Antiminer S19 XP que será o hardware para minerar BTC com a maior capacidade do mercado.

Durante o evento a empresa apresentou seu novo Antiminer e destacou que ele terá capacidade de mineração de 140 TH/s, poder de computação cerca de 20% maior que o produto anterior da companhia o Antiminer S19.

Além disso, segundo a empresa o novo minerador usa 27% menos eletricidade por terahash do que seu antecessor que é considerado, até agora, o equipamento mais eficiente e lucrativo para minerar Bitcoin.

Desta forma, com um poder de computação superior ao de todos os demais modelos do mercado e consumindo quase 30% menos energia que os demais modelos o minerador chega ao mercado já como o melhor equipamento para minerar BTC e que pode gerar a maior lucratividade do setor.

Segundo dados do portal CryptoCompare, com a configuração atual da rede Bitcoin, cada Antiminer S19 XP da Bitmain tem a capacidade de minerar mais 0.02454 BTC por mês, que corresponderia a cerca de R$ 8.581,73.

Embora a Bitmain tenha anunciado o equipamento nesta sexta, 11, as notícias sobre o novo minerador vazaram pela primeira vez pelo jornalista chinês e ex-funcionário da Bitmain, Colin Wu.

Melhor equipamento para minerar Bitcoin

As especificações do novo equipamento mostram que a eficiência do minerado é de 21,5 joules por terahash (J / TH), o que é consideravelmente mais eficiente do que o 29,5 J / TH do S19 Pro. O S19 XP não só usará 27% menos eletricidade por terahash, como também afirma fornecer 37% mais potência de hash por quilowatt-hora (kWh).

O S19 XP aproveita o algoritmo de mineração SHA256 e tem um consumo de energia de 3.010 watts.

Cinco fazendas de mineração de Bitcoin foram selecionadas para serem os primeiros clientes a receberem o S19 XP da Bitmain. A Greenidge Generation Holdings Inc foi uma das empresas selecionadas e a subsidiária da Ault Global Holdings.

Além delas também foi selecionada a Bitnile, que teve Milton “Todd” Ault, III, presidente executivo da empresa, tuitando algumas fotos dele mesmo assinando um contrato no palco em Dubai.

Porém, para os demais compradores, as novas máquinas só começaram a ser entregues em julho de 2022. Porém, para receber o equipamento no ano que vem os interessados já devem fazer, e pagar, seus pedidos junto a Bitmain.

O Antminer S19 XP da Bitmain também terá tecnologia de chip de 5 nanômetros (5 nm) e os semicondutores vêm de Taiwan. Além disso, segundo anunciou a Bitmain, o novo Antiminer terá a pegada de carbono de sua produção compensada pela gigante chinesa.

“Como a Greenidge e muitos de nossos clientes, a Bitmain se dedica a melhorar a pegada de carbono da indústria de mineração de bitcoin. É por isso que temos o prazer de anunciar não apenas o S19 XP, mas também o verde Antminer S19 XP. A Bitmain está fabricando uma edição limitada do Antminer S19 XP verde e está compensando 100% da pegada de carbono associada à produção e à operação do primeiro ano dessas mineradoras com a compra de créditos de compensação de carbono”, disse Irene Gao,  business development da Bitmain.

Por Cassio Gusson

Deixe um comentário