As criptomoedas estão em queda na manhã de sexta-feira

LinkedIn

Hora da publicação: Sexta-feira, 11h10 (Horário de Brasília).

Os preços do Bitcoin (COIN:BTCUSD) e do Ethereum (COIN:ETHUSD) caíram acentuadamente na noite de quinta-feira, eliminando quase US$ 150 bilhões do mercado de criptomoedas.

O Bitcoin caiu cerca de 5,85% nas últimas 24 horas, negociado pela ultima vez por US$ 38.414, de acordo com a ADVFN.

O Ether, a segunda maior criptomoeda por valor de mercado, caiu cerca de 7,20% nas últimas 24 horas. Ele estava sendo negociado a US$ 2.783,80 às 11h13 (Brasília).

Cerca de US$ 147 bilhões foram varridos de todo o mercado de criptomoedas nas últimas 24 horas.

As quedas nas criptomoedas seguem as perdas de Wall Street na quinta-feira. O Nasdaq caiu quase 5% esta semana, e o S&P 500 está em sua terceira semana consecutiva de perdas.

À medida que o rendimento do Tesouro dos EUA de 10 anos disparou no início desta semana, o aumento das taxas fez com que os investidores abandonassem suas posições em ativos mais arriscados. Os rendimentos de títulos do governo movem-se em oposição aos preços.

O Federal Reserve também indicou que planeja começar a reduzir seu balanço patrimonial, além de reduzir os títulos e aumentar as taxas de juros.

Um caso de investimento comum para o bitcoin é que ele serve como proteção contra o aumento da inflação como resultado do estímulo do governo, mas os analistas estão dizendo que o risco é que um Federal Reserve mais agressivo possa tirar o fôlego dos candles do bitcoin.

Como os rendimentos recuaram no final da semana, no entanto, o analista de mercado sênior da empresa de câmbio Oanda, Edward Moya, disse que era “um pouco decepcionante não ver o bitcoin reagir mais positivamente à reversão nos rendimentos do Tesouro”.

Os preços do Bitcoin caíram acentuadamente desde novembro, caindo mais de 40% de um recorde de cerca de US$ 69.000.

Alguns especialistas alertam que o mercado de criptomoedas pode estar caminhando para uma desaceleração em breve, já que o aumento do escrutínio regulatório e as intensas flutuações de preços prejudicaram as perspectivas do bitcoin.

Os reguladores também estão reprimindo as criptomoedas. A China está banindo completamente todas as atividades relacionadas a criptomoedas e as autoridades dos EUA também estão reprimindo certos aspectos do mercado. Na quinta-feira, o banco central da Rússia também emitiu um relatório se opondo ao comércio, mineração e uso das criptomoedas, alegando que a moeda digital representa um risco para “a estabilidade financeira e a soberania da política monetária. ”

A Rússia está entre os três principais países para mineração de bitcoin.

*Traduzido de CNBC e atualizado para cotação atual do Bitcoin e Ethereum.

*Acompanhe o movimento das criptomoedas e ações no monitor da ADVFN em tempo real.

Deixe um comentário