EDP: volume de energia distribuída cai 1,5% no 4T21

LinkedIn

O volume de energia distribuída pela Energias do Brasil (EDP), que soma EDP São Paulo e EDP Espírito Santo, alcançou 6.512.527 megawatts-hora (MWh) no quarto trimestre do ano passado, queda de 1,5%. Do total, a EDP São Paulo distribuiu 3.957.078 MWh, baixa de 3,0%, enquanto a unidade do Espírito Santo teve alta de 0,9% e somou 2.555.449 MWh, segundo prévia operacional.

O comunicado foi feito pela companhia (BOV:ENBR3) nesta segunda-feira (17).

No período, 3.165.073 MWh foram no mercado livre, elevação de 5,0%. O mercado cativo, por sua vez, registrou baixa de 6,9% e totalizou 3.347.453 MWh. O segmento residencial teve crescimento de 5,5% e somou 1.635.626 MWh, e o industrial atingiu 2.918.842 MWh, alta de 2,1%.

O volume de geração consolidada, que envolve hidrelétricas e térmicas, atingiu 3.999 gigawatts-hora (GWh) no quarto trimestre, de 3.695 GWH no quarto trimestre de 2020. A energia comercializada no período totalizou 3.758 GWh no trimestre, volume 22,6% menor que o visto no mesmo período do ano anterior. A companhia atribiu o resultado à redução de liquidez no mercado durante o ápice da crise hídrica, que mantiveram os preços spot no patamar teto. “E, aliado à atual conjutura econômica, foi mantido a estratégia de cautela no monitoramento, segurança e operações com o mercado e as contrapartes, ocasionando redução do volume transacionado”, disse, no relatório.

No ano, o volume de energia totalizou 14.689 GWh, redução de 42,5%, reflexo da redução de liquidez no mercado frente aos motivos citados e da estratégia de maiores esforços em produtos com maior margem agregada.

Informações Grupo CMA

Deixe um comentário