FTX promete até US$ 1 bilhão para fundo filantrópico para ‘melhorar a humanidade'

LinkedIn

A exchange de criptomoedas FTX anunciou hoje um fundo potencial de US$ 1 bilhão que investirá em “projetos ambiciosos para melhorar as perspectivas de longo prazo da humanidade”.

O “Future Fund”, parte do braço filantrópico da FTX, The FTX Foundation, investirá pelo menos US$ 100 milhões este ano – mas tem potencial para investir US$ 1 bilhão se vir projetos suficientes de que goste, de acordo com o comunicado da FTX na segunda-feira.

A FTX está interessada em investir o dinheiro em grandes projetos filantrópicos que podem “escalar massivamente”. “As startups de tecnologia começam pequenas e depois crescem rapidamente”, disse FTX. “Gostaríamos de ver isso na filantropia também”.

Ela está procurando projetos que possam avançar com segurança a IA, minimizar o risco de desastres bioquímicos e acabar com a pobreza global – entre outras coisas.

Tradução do tweet: “1) Estamos extremamente empolgados em lançar o FTX Future Fund!”

“Nossas áreas de interesse incluem o desenvolvimento seguro da inteligência artificial, redução do biorisco catastrófico, melhoria das instituições, crescimento econômico, relações de grande poder, altruísmo eficaz e muito mais”, acrescentou em seu anúncio.

FTX é uma exchange popular de criptomoedas e derivativos. Tem o segundo maior volume de futuros de 24 horas, depois da Binance.

A negociação de derivativos é diferente da negociação à vista (onde se compra e vende uma criptomoeda como Bitcoin). Com derivativos, os investidores estão comprando e vendendo contratos que apostam no preço futuro da criptomoeda.

Os projetos têm até 21 de março para se inscrever na primeira rodada de financiamento. Organizações sem fins lucrativos e com fins lucrativos serão consideradas, desde que estejam alinhadas com a missão da FTX.

O CEO da FTX, Sam Bankman-Fried, tornou- se uma espécie de celebridade no mundo das criptomoedas: ele foi classificado no ano passado pela Forbes como o homem de 29 anos mais rico do mundo, com uma fortuna de US$ 22,5 bilhões.

E seu intercâmbio, que poucos teriam reconhecido apenas alguns anos atrás, agora é muito conhecido – ele patrocina vários grandes times esportivos dos EUA, como o Miami Heat da NBA e o Golden State Warriors. Também no ano passado assinou um contrato de cinco anos com a principal liga de beisebol dos Estados Unidos, a MLB.

Apesar de sua enorme riqueza, Bankman-Fried está cada vez mais focado na filantropia. De acordo com Bankman-Fried, ele participa do “ ganhar para dar ” : uma forma de altruísmo em que se busca deliberadamente uma carreira bem remunerada com o objetivo de doar sua riqueza para a caridade.

“Quando Sam tinha 20 anos, ele começou a ganhar o máximo de dinheiro que pudesse, a fim de doar tudo o que ganhava para a caridade”, acrescentou o comunicado de hoje.

Com informações de decrypt

Deixe um comentário