Boa Safra Sementes registrou Fundo de Investimento na CVM

LinkedIn

A Boa Safra Sementes registrou Fundo de Investimento na Comissão De Valores Mobiliários (CVM).

“Em 20 de abril de 2022 foi realizado o registro de Fundo de Investimento na CVM das cadeias produtivas agroindustriais SUNO AGRO – FIAGRO IMOBILIÁRIO, administrado pela Singulare Corretora de Títulos e Valores Mobiliários Ltda”, disse a companhia.

E acrescentou que o mesmo é gerido pela Suno Gestora de Recursos Ltda, e as cotas emitidas pelo FIAGRO foram totalmente subscritas, nesta data, pela companhia que, inicialmente, é seu único cotista.

O FIAGRO tem como principal objetivo adquirir ativos financeiros de origem agroindustrial, tais como certificados de recebíveis do agronegócio – CRA; cotas de fundos de investimento, conforme autorizado no regulamento do Fundo; certificados de recebíveis imobiliários – CRI relacionados a imóveis rurais ou às cadeias produtivas agroindustriais; imóveis rurais; participação em sociedades que explorem atividades integrantes da cadeia produtiva agroindustrial; (vi) debêntures, conforme autorizado no regulamento do Fundo; letras de crédito do agronegócio – LCA; e outros ativos, ativos financeiros, títulos e valores mobiliários, desde que permitidos para a modalidade do Fundo.

A Boa Safra Sementes pretende divulgar os resultados do 1T22 no dia 16 de maio.

Boa Safra (SOJA3): lucro líquido de R$ 30,8 milhões no 4T21, recuo de 20,2%

A Boa Safra Sementes, uma das principais produtoras de sementes de soja do Brasil, registrou lucro líquido de R$ 30,8 milhões no quarto trimestre de 2021, recuo de 20,2% na comparação com o quarto trimestre do ano anterior.

A receita líquida somou R$ 403,2 milhões entre outubro e dezembro do ano passado, alta de 73,6% na comparação com igual etapa de 2020, justificado principalmente pela ampliação do portfólio tecnológico com utilização da biotecnologia Intacta e maior volume de TSI, além do crescimento do volume negociado e do aumento do preço da soja.

O Ebitda – lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização – diminuiu 15,2% na comparação anual, somando R$ 37,8 milhões entre outubro e dezembro de 2021. A margem Ebitda recuou 9,82 pontos porcentuais na mesma base de comparação, de 19,21% para 9,39%.

Informações Euqueroinvestir

Deixe um comentário