J&F diz que vai ao Judiciário após CVM rejeitar acordo de R$ 6 milhões com irmãos Batista

LinkedIn

A J&F, holding controladora do frigorífico JBS (BOV:JBSS3), disse que vai recorrer ao Judiciário depois de o Colegiado da CVM ter rejeitado uma proposta de Termo de Compromisso com os irmãos Joesley Mendonça Batista e Wesley Mendonça Batista. A informação foi divulgada pelo Broadcast.

Os irmãos Batista ofereceram R$ 3 milhões cada, num total de R$ 6 milhões, para encerrar o caso. O processo teve início após uma reclamação que questionava o exercício de voto dos administradores na aprovação das próprias contas na assembleia de abril de 2017.

Ao tomar a decisão, os diretores da CVM contrariaram parecer do Comitê de Termo de Compromisso, que sugeriu a aceitação da proposta.

Em nota, a J&F disse que “o voto de qualidade que levou à rejeição do termo de compromisso jamais poderia ter sido aplicado a este caso: contra a defesa, à revelia da Procuradoria e do corpo técnico da CVM e em um sistema jurídico baseado na conciliação”.

Informações BDM

Deixe um comentário