Pesquisa do Fed: 12% dos adultos dos EUA detinham criptomoedas em 2021

LinkedIn

Doze por cento dos adultos possuíam criptomoedas em 2021, de acordo com um estudo do Federal Reserve que mede a saúde econômica dos consumidores dos EUA.

Divulgada na segunda-feira (23), a pesquisa anual com 11.000 pessoas pela primeira vez este ano incluiu perguntas sobre propriedade e adoção de criptomoedas. É o mais recente sinal do crescente interesse do banco central dos EUA em entender como a economia criptográfica em expansão está (e não está) se misturando ao cenário.

Os dados coletados indicaram que os consumidores americanos têm pouco interesse em criptomoedas como moeda. Eles são grandes investidores, não transatores, e apenas 3% dos entrevistados disseram que pagaram ou enviaram criptomoedas no ano anterior. Por outro lado, 11% tinham criptoativos como investimento.

Esses usuários “tinham uma renda desproporcionalmente alta”, disse o relatório: 46% dos investidores puros ganharam US$ 100.000 ou mais. Quase todos tinham conta bancária.

Dos 3% que realmente usaram criptomoedas para pagamentos ou transferências, 13% não tinham conta bancária.

Com informações de CoinDesk

Deixe um comentário