Eneva espera investir R$ 5,8 bilhões no Complexo de Geração do Azulão

LinkedIn

Os projetos de geração termelétrica UTE Azulão II e UTE Azulão IV (em conjunto, UTE Azulão II), da Eneva, com capacidade instalada total de 590 MW, venceram o 2º Leilão de Reserva de Capacidade na forma de energia (LRCE), da Aneel.

A empresa prevê investimentos de R$ 5,8 bilhões no Complexo de Geração do Azulão.

As usinas termelétricas Azulão I e II, que em conjunto terão 885 MW de capacidade instalada, marcam o início da construção do Complexo de Geração do Azulão na bacia do Amazonas.

Segundo a empresa, o fornecimento do gás será feito a partir das concessões da Eneva (BOV:ENEV3) na Bacia do Amazonas, com aumento da capacidade máxima de produção de 1,0 milhão m3 /dia para 5,0 milhões de m3 /dia, atendendo às usinas termelétricas Azulão I e Azulão II, além da usina Jaguatirica II, localizada em Roraima e já operacional.

Deixe um comentário