Petrobras considera altas recentes do petróleo como movimentos especulativos e insuficientes para reajustes

LinkedIn

A Petrobras considera que as altas recentes do petróleo no mercado internacional são “movimentos especulativos” e insuficientes para que os preços dos combustíveis no Brasil sejam reajustados, segundo apurou o Valor com fonte da estatal.

As variações recentes no mercado internacional são “obviamente só marola” e não justificam elevações de preços no Brasil neste momento, diz a fonte. “Se o preço do Brent subir – o que aliás significa pouca coisa -, tem notícia para um lado.

Se cair, tem notícia para o outro. Se ficar igual, dá notícia. Se as pessoas entendessem a formação do preço, as bandas, os índices e a postura da empresa, não estariam perdendo tempo.”

De acordo com a fonte, a Petrobras (BOV:PETR3) (BOV:PETR4) não descarta “nem uma alta e nem uma baixa” de seus preços nas próximas semanas. Mas “descarta que movimentos especulativos formem preço”.

Informações BDM

Deixe um comentário