ADVFN Logo ADVFN

Não encontramos resultados para:
Verifique se escreveu corretamente ou tente ampliar sua busca.

Tendências Agora

Rankings

Parece que você não está logado.
Clique no botão abaixo para fazer login e ver seu histórico recente.

Hot Features

Registration Strip Icon for smarter Negocie de forma mais inteligente, não mais difícil: Libere seu potencial com nosso conjunto de ferramentas e discussões ao vivo.

IPC-S subiu a 0,57% na primeira quadrissemana de fevereiro

LinkedIn

O IPC-S da primeira quadrissemana de fevereiro subiu 0,57%, informou nesta quarta-feira (8) o Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getúlio Vargas (FGV/Ibre). Com isso, o indicador acumula alta de 4,90% nos últimos 12 meses.

Cinco das oito classes de despesa componentes do índice registraram decréscimo em suas taxas de variação nesta quadrissemana. A maior contribuição para o resultado do IPC-S partiu do grupo Educação, Leitura e Recreação cuja taxa de variação passou de 3,28%, na quarta quadrissemana de janeiro de 2023 para 1,60% na primeira quadrissemana de fevereiro.

Nesta classe de despesa, foi destacado o comportamento do item passagem aérea, cujo preço variou -4,24%, ante 0,00% na edição anterior.

Também tiveram queda em suas taxas de variação os grupos: Transportes (0,92% para 0,70%), Alimentação (0,48% para 0,39%), Vestuário (-0,08% para -0,34%) e Saúde e Cuidados Pessoais (0,42% para 0,40%).

Nestas classes de despesa, se destacaram os itens gasolina (1,12% para 0,25%), hortaliças e legumes (-0,27% para -1,70%), roupas masculinas (-0,39% para -0,86%) e aparelhos médico-odontológicos (0,26% para 0,00%).

Em contrapartida, os grupos Comunicação (0,73% para 0,82%), Despesas Diversas (0,97% para 0,99%) e Habitação (0,26% para 0,27%) apresentaram avanço em suas taxas de variação.

Nestas classes, foram citados como destaque os itens combo de telefonia, internet e TV por assinatura (1,66% para 2,15%), alimentos para animais domésticos (1,66% para 1,82%) e taxa de água e esgoto residencial (0,81% para 0,88%).

Informações Infomoney

Deixe um comentário