ADVFN Logo ADVFN

Não encontramos resultados para:
Verifique se escreveu corretamente ou tente ampliar sua busca.

Tendências Agora

Rankings

Parece que você não está logado.
Clique no botão abaixo para fazer login e ver seu histórico recente.

Hot Features

Registration Strip Icon for pro Negocie como um profissional: Aproveite discussões em tempo real e ideias que movimentam o mercado para superar a concorrência.

Biontech registra queda após relatório do primeiro trimestre revelar diminuição nas vendas de vacinas de Covid-19

LinkedIn

As ações da BioNTech (NASDAQ:BNTX), listadas nos EUA, estão em queda de 0,3% na manhã de segunda-feira, 6 de maio de 2024, após a divulgação de um relatório financeiro do primeiro trimestre que destacou uma significativa diminuição nas vendas de suas vacinas contra a Covid-19.

A BioNTech também é negociada na B3 através da BDR (BOV:B1NT34).

A empresa farmacêutica alemã, conhecida por sua colaboração com a Pfizer na criação de vacinas, reportou um prejuízo de 1,31 euros por ação no primeiro trimestre deste ano, uma queda drástica comparada ao lucro de 2,05 euros por ação no mesmo período do ano anterior.

A receita total da BioNTech caiu para 187,6 milhões de euros, um decréscimo substancial em relação aos 1,277 bilhões de euros gerados no primeiro trimestre de 2023. Este declínio é atribuído à redução da demanda sazonal por vacinas contra a Covid-19.

Analistas projetavam resultados de prejuízo por ação de 1,13 euros e receita de 305 milhões de euros, melhores do que os resultados reportados.

O diretor financeiro da BioNTech, Jens Holstein, explicou que a empresa espera reconhecer cerca de 90% de suas receitas anuais nos últimos meses de 2024, com uma concentração significativa no quarto trimestre.

Apesar da redução nas vendas, a BioNTech mantém uma sólida posição de caixa, com 16,9 bilhões de euros disponíveis. Esta robusta reserva financeira permitirá à empresa investir de forma agressiva em seu pipeline inovador de pesquisa e desenvolvimento, especialmente nas áreas de oncologia, onde busca expandir sua prontidão comercial.

Para o ano fiscal de 2024, a BioNTech manteve suas projeções de receita entre 2,5 bilhões e 3,1 bilhões de euros, refletindo um otimismo cauteloso com a recuperação nas vendas nos meses finais do ano.

Deixe um comentário