A Itaúsa, holding brasileira de investimentos, reportou lucro líquido de R$ 7,1 bilhões em 2020 e retorno sobre o patrimônio líquido (ROE) de 13%.

Os resultados da Itaúsa (BOV:ITSA3) (BOV:ITSA4) referentes suas operações do quarto trimestre de 2020 foram divulgados no dia 22/02/2021. Confira o Press Release completo!

⇒ Confira a agenda completa da divulgação dos resultados do 4T20 e referente ao ano de 2020. Confira a cobertura completa de todos os balanços referente ao ano de 2020 das empresas negociadas na B3.

Para Alfredo Setubal, presidente da Itaúsa, “ainda teremos um 2021 cercado de incertezas, mas seguimos empenhados em entregar retorno atrativo aos acionistas da Itaúsa no longo prazo”. “Avalio que nossas investidas têm tomado decisões corretas, tornando-as mais preparadas e fortes em seus setores de atuação, com ganhos de market share, além de retornos crescentes”, conclui.

As empresas investidas Alpargatas e Duratex dos segmentos de varejo e construção civil, respectivamente, apresentaram crescimento em seus resultados recorrentes. Já o Itaú Unibanco, maior investida do portfólio, teve seu resultado impactado pelo aumento no volume de provisões do banco, mas o 4º trimestre sinalizou a retomada dos negócios e a gestão eficiente das despesas.

Duratex

A Duratex encerrou 2020 com crescimento do EBITDA recorrente de 41,7% sobre o ano de 2019, resultado de ganhos de produtividade, market share em todas as linhas de produtos e gestão eficiente de recursos. Além disso, se beneficiou com a rápida recuperação econômica nos setores de reformas e construção civil, impulsionada por medidas governamentais de auxílio, além da redução da taxa de juros.

Alpargatas

A Alpargatas apresentou uma receita líquida de R$ 3,4bilhões em 2020, 3% superior a 2019. O destaque foi para a estratégia de crescimento global da marca Havaianas, que resultou em expressivo aumento da receita líquida no mercado internacional. Já no Brasil, houve crescimento de 128% nas vendas nos canais online, um recorde histórico conquistado pela empresa.

Itaú Unibanco

O banco Itaú Unibanco registrou lucro líquido em IFRS de R$ 18,9 bilhões em 2020. A carteira de crédito total cresceu 20,4% em 12 meses, favorecida pelo crédito a pessoas físicas – em especial em linhas voltadas a veículos e imobiliário – e para micro, pequenas e médias empresas. A instituição segue apoiando os clientes pessoas físicas e jurídicas por meio do Programa Travessia. Na frente de digitalização dos negócios, houve avanços robustos. No final de 2020, os clientes digitais (correntistas, cartões e empresas) chegaram a 24,2 milhões, aumento de 16,4% em relação ao ano anterior.

XP

Após o anúncio da cisão da participação acionária da XP detida pelo Itaú Unibanco, a Itaúsa assinou um acordo com XP Inc. e outras partes, de modo que, assim que concluída a transação, em alguns meses, passará a deter participação de 15% na XP Inc., que se tornará a 2ª maior investida do portfólio da holding em valor de mercado.

Copagaz

A conclusão da aquisição de cerca de 49% da Copagaz, em dezembro, ampliou a exposição da Itaúsa no setor de energia ao associar-se a uma empresa líder nacional em distribuição de gás liquefeito de petróleo (GLP). Além disso, a operação contou com a emissão de debêntures não conversíveis em ações, no valor de R$ 1,3 bilhão com prazo de 10 anos e taxa de CDI + 2,40% a.a.

4T20

A Itaúsa teve lucro líquido de R$ 3,66 bilhões no quarto trimestre, alta de 6,2% ante mesma etapa de 2019.

O avanço na performance da Duratex no segmentos de materiais para construção civil, ganhos maiores com exportações da fabricante de calçados Alpargatas e apreciação do valor justo de ativos da empresa de gasodutos NTS justificaram a melhora no resultado, explicou a Itaúsa.

O resultado recorrente das empresas investidas pela Itaúsa foi de R$ 2,91 bilhões, avanço de 9% em relação ao mesmo intervalo de 2019.

Segundo a empresa, o recuo está associado, principalmente, ao menor resultado do Itaú Unibanco, impactado pela maior despesa com perdas esperadas com operações de crédito, em função da mudança no cenário macroeconômico e menores resultados com margem de juros em função da menor taxa básica de juros.

Por outro lado, o lucro líquido do Itaú Unibanco atingiu R$ 8,9 bilhões no quarto trimestre, avanço de 3,6% em relação ao mesmo período de 2019, impactado, principalmente, pelos ganhos decorrentes da alienação parcial de participação da XP Inc.

A receita líquida da Alpargatas cresceu 10,5% no último trimestre de 2020, ante o mesmo intervalo de 2019, refletindo o melhor desempenho das marcas Havaianas e Osklen no Brasil, além do crescimento da receita internacional, devido ao mix de países e a variação cambial.

Já a receita líquida da Duratex alcançou R$ 1,89 bilhão, aumento de 27,4% em relação ao mesmo intervalo de 2019. De acordo com a Itaúsa, o avanço é resultado da “bem-sucedida implementação de aumento de preço, bem como da acelerada recuperação da demanda, que levou todas as divisões da Duratex a apresentarem forte crescimento no volume de venda”.

 

Recompra de ações

Conselho de Administração da Itaúsa autorizou a aquisição de até 250 milhões de ações de própria emissão. A autorização se respalda no crescimento recente do valor líquido dos ativos de forma descolada do valor de mercado da Itaúsa, aumentando, assim, o desconto de holding, e na potencial geração de valor de todas as empresas que compõem o seu portfólio.

Essa aquisição de próprias ações no mercado permite à Itaúsa dispor de mais oportunidades para alocação eficiente de capital – um dos pilares estratégicos da holding – com vistas ao melhor interesse de seus acionistas.

Juros Sobre Capital Próprio

O conselho de administração da companhia aprovou também pagamento de juros sobre capital próprio adicionais de R$ 0,0208 por ação.

Teleconferência

O presidente da Itaúsa, Alfredo Setubal, afirmou que a XP não é um investimento estratégico, mas não há “nenhuma pressa” da holding para se desfazer do ativo. Após cisão a ser realizada pelo Itaú Unibanco, ainda pendente de aprovações regulatórias, a Itaúsa passará a deter diretamente pouco mais de 15% do capital da XP.

“A perspectiva é ir reduzindo gradativamente nos próximos anos”, disse Setubal em teleconferência com analistas.

De acordo com o empresário, a XP é um investimento “bastante bom”, mas não faz parte da estratégia de longo prazo da companhia, que pretende diversificar seu portfólio para além do setor financeiro.

Setubal descartou a possibilidade de a Itaúsa também fazer uma cisão da participação que passará a deter na XP, distribuindo as ações diretamente para seus acionistas, como fez o Itaú. “A ideia é que as ações fiquem com a Itaúsa e que ela administre essa posição ao longo dos próximos anos”, afirmou.

De acordo com ele, o dinheiro levantado à medida que a participação for vendida será usado para fazer outros investimentos, para pagar dívidas ou remunerar os acionistas por meio de dividendos ou de recompras de ações.

Com a recuperação dos resultados do Itaú após a pandemia, Setubal disse esperar que a participação do banco volte a 90% do portfólio da holding. No entanto, a Itaúsa continuará buscando novas opções de investimentos, segundo o executivo.

VISÃO DO MERCADO

Bradesco BBI

Bradesco BBI enxerga Itaúsa como boa alternativa ao Itaú devido a diversificação e projeta maiores dividendos com potencial venda da XP.

Bradesco BBI mantém recomendação neutra, com preço-alvo de R$ 13,00.

Pensando em investir na Itaúsa?

Itaúsa é uma holding brasileira de investimentos, de capital aberto, com mais de 45 anos de trajetória. A empresa atua nos segmentos financeiro, bens de consumo e infraestrutura, e conta com um portfólio consistente, composto por marcas líderes em seus segmentos: Itaú Unibanco, Duratex, Alpargatas, Copagaz e Nova Transportadora do Sudeste (NTS).

No início de 2021, o Itaú Unibanco aprovou em AGE o desinvestimento de participação acionária na XP Inc. mediante cisão de empresas de seu conglomerado com versão de parte do seu patrimônio, resultando na criação de nova companhia, a XPart, cuja constituição ainda aguarda aprovação do Federal Reserve (FED), o banco central americano. Itaúsa assinou um acordo, juntamente com IUPAR – Itaú Unibanco Participações S.A, os acionistas controladores da XP e a XP, contendo os principais termos e condições que passarão a vigorar após a incorporação da XPart pela XP. Caso a incorporação dessa nova companhia pela XP fosse realizada na data de hoje, a Itaúsa deteria cerca de 15% do capital social total da XP, direta e indiretamente.

→ Itaúsa possui R$ 95 bilhões de valor de mercado. Confira a Análise completa da empresa com informações exclusivas.

Governança Corporativa

A Itaúsa foi constituída em 1974 após a cisão dos negócios de banco de investimento e holding do conglomerado Itaú. Em 2001, a Itaúsa aderiu ao Nível 1 de Governança Corporativa da Bolsa de Valores de São Paulo, atual B3 – Brasil, Bolsa, Balcão (B3) e dentre os compromissos assumidos destacam-se: a manutenção em circulação de uma parcela mínima de ações, representando 25% do capital, para melhorar a liquidez e a pulverização das ações da companhia, além do fornecimento de informações que auxiliem os investidores na avaliação do valor da empresa.

Composição Acionária

Acionistas Ações Ordinárias (ITSA3) Ações Preferenciais (ITSA4) Total de Ações
Quantidade % Quantidade % Quantidade %
Bloco de Controle 1.828.486 63,27% 1.025.089 18,57% 2.853.575 33,93%
Ações em Tesouraria
Ações em Circulação 1.061.351 36,73% 4.495.888 81,43% 5.557.239 66,07%
Fundação Antonio e Helena Zerrenner Instituição Nacional de Beneficência (“FAHZ”) 444.275 15,37% 67.738 1,23% 512.013 6,09%
Demais acionistas 617.077 21,35% 4.428.150 80,21% 5.045.227 59,98%
Total de Ações 2.889.838 100,00% 5.520.977 100,00% 8.410.815 100,00%

 

Desempenho da empresa na B3

No último ano, as ações da Itaúsa oscilaram entre a mínima de R$ 9,19 e a máxima de R$ 13,13. No último pregão antes da divulgação do resultado do 4T20, a empresa fechou em queda de 1,68%, negociada a R$ 11,15.

Confira o histórico da Itaúsa (ITSA4)

Período Abertura Máxima Mínima Preço Médio Vol Médio Variação Variação %
1 Semana 11,43 11,48 10,90 11,27 224.360 -0,10 -0,87%
1 Mês 11,58 11,96 10,90 11,49 152.917 -0,25 -2,16%
3 Meses 11,68 12,77 10,90 11,90 177.321 -0,35 -3,0%
6 Meses 11,16 12,77 10,02 11,22 200.418 0,17 1,52%
1 Ano 12,79 13,13 9,19 11,11 242.686 -1,46 -11,42%
3 Anos 14,24 17,49 9,19 12,24 184.471 -2,91 -20,44%
5 Anos 6,71 17,49 6,62 10,50 553.790 4,62 68,85%
* Com informações da ADVFN, RI das empresas, Valor, Infomoney, Estadão, Reuters
ITAUSA PN (BOV:ITSA4)
Gráfico Histórico do Ativo
De Nov 2021 até Dez 2021 Click aqui para mais gráficos ITAUSA PN.
ITAUSA PN (BOV:ITSA4)
Gráfico Histórico do Ativo
De Dez 2020 até Dez 2021 Click aqui para mais gráficos ITAUSA PN.