A V.tal, controlada pelo BTG Pactual, confirmou que celebrou, com determinados credores da Oi, um compromisso para adquirir a totalidade do capital social da UPI ClientCo, que é a base de clientes de fibra, em troca de determinados ativos e créditos, em uma segunda rodada do processo competitivo.

Ou seja, “a eventual participação da proponente no processo competitivo para a aquisição da UPI ClientCo ocorrerá somente caso seja infrutífera a primeira rodada do procedimento para alienação da UPI ClientCo”.

A informação foi antecipada pelo Broadcast na tarde de domingo, 21, que apurou que a aprovação do plano de recuperação judicial da Oi (BOV:OIBR3) (BOV:OIBR4) só aconteceu graças a essa negociação paralela entre os credores financeiros da companhia e o banco BTG Pactual.

A V.tal informou ainda que celebrou termo de adesão para a concessão de um financiamento de R$ 785,505 milhões à Oi, na modalidade de debtor in possession.

“O referido financiamento terá vencimento em 30 de junho de 2027 e contará com garantias reais e fidejussórias em favor da companhia e/ou de sociedade afiliada”, segundo fato relevante divulgado pela empresa.

Informações Broadcast
OI ON (BOV:OIBR3)
Gráfico Histórico do Ativo
De Abr 2024 até Mai 2024 Click aqui para mais gráficos OI ON.
OI ON (BOV:OIBR3)
Gráfico Histórico do Ativo
De Mai 2023 até Mai 2024 Click aqui para mais gráficos OI ON.