Brasil fechou mais de 20 mil vagas de emprego em 2017, diz Caged

LinkedIn

O Brasil cortou 20.832 vagas de trabalhos formal em 2017, de acordo com os dados do Cadastro Geral de Empregados (Caged) anunciados nesta sexta-feira (26) pelo Ministério do Trabalho. No total, o número apresenta perda de 0,05% em comparação ao nível de 2016, quando foram fechadas 1.326.558 vagas. Esse é terceiro ano no vermelho. Em 2015 houve perda de 1.534.989 vagas.

De acordo com Ministério do Trabalho, o quadro de 2017 levanta instabilidade no país. O coordenador-geral de Estatística do ministério, Mário Magalhães, contou à Rádio Jornal, que o resultado divulgado veio dentro de suas estimativas. Mário avalia, que o mercado apontava algo próximo da instabilidade.

Ainda segundo os dados, as contratações, em 2017, somaram 14.635.899, e as demissões, 14.656.731. No mês de dezembro, 328.539 postos de trabalhos formal foram fechados.

Os dados do Caged 2017  incluem contratos firmados sob as novas medidas da reforma trabalhista, com a jornada parcial e temporária. No total, foram 2.851 admissões para trabalho temporário no mês de dezembro e 227 desligamentos. Em comparação ao trabalho parcial foram 2.328 admissões e 3.332 desligamentos, no mesmo período. O saldo negativo atingiu 1.004 empregos.

*Com informações do Rádio Jornal

Deixe um comentário