Dollar Week: moeda desvaloriza 2,45% em semana mais curta

LinkedIn

dólar desvalorizou 2,45% nesta semana mais curta, por causa do Carnaval e da Quarta-feira de Cinzas, dia em que as negociações voltaram a acontecer apenas depois das 13h. O Banco Central realizou um novo leilão de até 9,5 mil swaps cambiais tradicionais (equivalentes à venda futura de dólares) para rolagem dos contratos que vencem em março, no total de US$ 6,154 bilhões. Já no exterior, a inflação dos Estados Unidos em janeiro veio mais alta do que o previsto, o que fez os investidores especularem sobre um aumento maior e mais rápido nos juros americanos este ano.

Ontem, a moeda recuou 0,45%, cotada a R$ 3,2204 para compra e R$ 3,2213 para venda.

Após 10 pregões em fevereiro, a moeda valorizou 1,29 %. Já se foram 4 fechamentos negativos contra 6 positivos. Em janeiro, a divisa americana fechou cotada a R$ 3,1793  para compra e R$ 3,1803 para venda.

Em 2018, após 301 pregões, o dólar apresenta uma desvalorização de 2,81%. Já se foram 15 pregões em alta, contra 16 em baixa. Em 2016, a divisa dos Estados Unidos fechou cotada a R$ 3,3133 para compra e a R$ 3,3144 para venda.

Resumo da semana

Uma vez que as negociações começaram apenas na quarta-feira (14), o dólar teve perda de 2,27%, cotado a R$ 3,2261 para compra e R$ 3,2274 para venda. No dia seguinte, ele teve alta de 0,26%, cotado a R$ 3,2346 para compra e R$ 3,2359 para venda.

Ontem, a moeda recuou 0,45%, cotada a R$ 3,2204 para compra e R$ 3,2213 para venda.

 

 

Deixe um comentário