Bom dia, Investidor! 07 de janeiro de 2020

LinkedIn

Esse é o Bom dia, Investidor! Com tudo o que você precisa saber antes da Bolsa abrir!

Destaques corporativos

Petrobras (PETR3)(PETR4): O ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, afirmou ontem (6), após se reunir com o presidente Jair Bolsonaro, que o governo federal estuda formas de compensar uma eventual alta no preço dos combustíveis, caso a crise envolvendo Estados Unidos e Irã impacte com mais força o preço internacional do petróleo.

Azul (AZUL4): A aérea Azul comunicou que a demanda total por assentos em seus voos em dezembro subiu 27,2% ante mesmo mês de 2018, enquanto a oferta de capacidade subiu 26,5%, com a taxa de ocupação 0,5 ponto percentual, a 83,5%. Já com relação aos voos domésticos, a demanda subiu 25,7% no mês passado.

MRV (MRVE3): A construtora e incorporadora MRV informou ao mercado que recebeu uma carta da sua acionista Dynamo Administração de Recursos, do Rio de Janeiro, na qual a empresa manifesta apoio ao plano da MRV para a sua proposta reformulada de investimentos na empresa americana AHS Residential.

Cosan (CSAN3): A Cosan comunicou ontem ao mercado que antecipou o pagamento da sua segunda emissão de debêntures simples, no valor total projetado de R$ 1,73 bilhão. Os papéis poderão ser resgatados em 16 de janeiro – o resgate é facultativo.

Recomendação de ativos

Usiminas (USIM5): O Bradesco BBI elevou a recomendação para as ações da Usiminas de neutra para compra, com um preço-alvo de R$ 13,00 para o papel.

CESP (CESP6): O Itaú BBA reduziu sua recomendação dos papéis da geradora e distribuidora energética paulista Cesp de outperform para neutra, mas manteve seu preço-alvo de R$ 34,00 para as ações em 2020.

Log-In (LOGN3): A Corretora Itaú BBA incluiu as ações da Log-In na sua cobertura com a recomendação “outperform” que recomenda compra, com um preço-alvo de R$ 30 por ação para 2020.

Dólar

O dólar abriu em queda nesta terça-feira (7), depois de subir por três pregões consecutivos. Às 9h12, a moeda norte-americana caía 0,05%, vendida a R$ 4,0601. Na véspera, o dólar fechou em alta de 0,15%, a R$ 4,0620.

Commodities

Minério de ferro: A jornada desta terça-feira foi marcada por ganhos moderados nos preços dos contratos futuros do minério de ferro, que são transacionados na bolsa de mercadorias de Dalian, na China. O ativo com o maior volume de negócios, com vencimento em maio deste ano, encerrou com alta de 0,30% a 666,50 iuanes por tonelada.

Petróleo: Os Futuros do Petróleo caíram durante a sessão asiática. Na bolsa mercantil de Nova York, os contratos futuros do petróleo, com vencimento em fevereiro, foram negociados na entrega a US$ 62,54 por barril no momento da escrita, recuando 1,15%.

Ouro: Os contratos futuros do Ouro caíram durante a sessão asiática. Na divisão Comex da Bolsa Mercantil de Nova York, os contratos de referência do Ouro, com vencimento em Fevereiro, encerraram a jornada a US$ 1.560,75 por onça troy, recuando 0,51%.

Agenda econômica

■ Indicadores nacionais

  • Indice IPC Fipe semanal
  • Venda de veículos Anfavea mensal (dezembro)

■ Indicadores Internacionais

  • Zona do Euro – Indice de preços ao consumidor anual (dezembro)
  • Zona do Euro – Núcleo do índice de preços ao consumidor anual (dezembro)
  • Zona do Euro – Variação das vendas no varejo mensal (novembro)
  • EUA – Balança comercial de bens mensal (novembro)

Termômetro B3

DESTAQUES VAR %  FECHAMENTO (R$)
BRKM5  +5,10% R$ 33,37
QUAL3  +4,10% R$ 41,65
PETR3  +3,25% R$ 33,03
SANB11 -6,76% R$ 47,47
BRDT3 -5,40% R$ 28,91
GOLL4 -4,60% R$ 34,25

 

Deixe um comentário