Notre Dame (GNDI3): Acordo para comprar Climepe por R$ 168 milhões

LinkedIn

A Notre Dame Intermédica (BOV:GNDI3) fechou um acordo para adquirir a Climepe, operadora de saúde verticalizada que atua no sul de Minas Gerais, principalmente em Poços de Caldas e região.

O preço de aquisição, acertado em R$ 168 milhões, será pago na data de fechamento ajustado pelo caixa e endividamento líquido a ser apurado.

Em 2020, as ações da empresa desvalorizaram -3,0%. A operadora de saúde deve divulgar os resultados do 2T20 no dia 06 de agosto.

Segundo a Notre Dame Intermédica, a Climepe tem 25 anos de atuação e sua área de influência conta com mais de 600 mil habitantes, sendo 185 mil beneficiários de planos de saúde. Ela possui uma carteira com 33 mil clientes de planos de saúde, com 81% no tipo coletivo por adesão, 6 mil beneficiários de plano dental e o maior hospital na região, inaugurado em 2016, com 119 leitos, sendo 16 de UTI.

A Climepe conta ainda com uma unidade especializada em procedimentos de baixa complexidade, inclusive pequenas cirurgias e um centro de diagnóstico por imagem.

Em 2019, a Climepe apresentou um faturamento líquido consolidado de R$ 74,4 milhões, com sinistralidade caixa de 73% e lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) de R$ 10 milhões, com margem de 13,6%.

A aquisição ainda precisa ser aprovada pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) e pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade).

“Com a conclusão da transação, a companhia fortalece sua estratégia de crescimento verticalizado no Estado de Minas Gerais, reforçando seu compromisso com a criação de valor para seus acionistas, clientes e sociedade”, diz trecho do comunicado.

Deixe um comentário