Santander assina acordo e passa a deter 60% do capital da Toro Controle

LinkedIn

O Santander Brasil (BOV:SANB11) informou, que sua subsidiária Pi Distribuidora de Títulos e Valores Mobiliários celebrou junto aos acionistas da Toro Controle e Participações (Toro Controle), acordo de investimento e outras avenças, pelo qual, uma vez efetivada a operação, passará a deter a titularidade de 60% do capital social da Toro Controle, holding que, em última instância, controla a Toro Corretora de Títulos e Valores Mobiliários e a Toro Investimentos.

“Com a unificação das operações, cada empresa contribuirá com seus diferenciais de mercado para a formação de uma plataforma completa de produtos de renda fixa e variável, com expertise, tecnologia e escala para atuar com protagonismo e liderança no crescente mercado brasileiro de investimentos”, afirmou o Santander Brasil em comunicado ao mercado.

“O cenário de taxas de juros em baixos patamares tende a estimular cada vez mais a demanda por produtos de renda variável”, acrescentou o banco.

A Toro é uma plataforma de investimentos fundada em Belo Horizonte no ano de 2010. Em 2018, recebeu as autorizações necessárias e iniciou sua operação como corretora de valores mobiliários voltada ao público de varejo.

Já a Pi conta com uma ampla oferta que inclui mais de 240 produtos de renda fixa em uma plataforma B2B relevante e com funcionalidades estruturadas para family offices, consultores e gestores de investimentos.

O acordo ocorre cerca de um ano depois que o presidente-executivo da Pi, Felipe Bottino, afirmou que a companhia tinha adotado uma estratégia de consolidação no mercado de corretoras de valores. A empresa foi lançada em março do ano passado.

O Santander ressaltou que a efetivação da operação estará sujeita à celebração dos instrumentos definitivos e à implementação de determinadas condições usuais nesse tipo de transação, incluindo as aprovações regulatórias aplicáveis.

Deixe um comentário