Dow Jones fecha com queda de 250 pontos, caindo repentinamente após Trump adiar o estímulo

LinkedIn

As ações caíram na terça-feira (06), abrindo mão de um ganho anterior, depois que o presidente Donald Trump instruiu os funcionários da Casa Branca a suspender as negociações sobre novos estímulos ao coronavírus.

O Dow Jones negociou 250 pontos abaixo, ou 0,9%. No início do dia, havia subido mais de 200 pontos. O S&P 500 e o Nasdaq Composite recuaram 0,9% e 1,1%, respectivamente.

Trump tweetou: “Instruí meus representantes a pararem de negociar até depois da eleição, quando, imediatamente após eu ganhar, aprovaremos uma importante lei de estímulo que se concentra nos americanos trabalhadores e nas pequenas empresas.”

As ações da Boeing (BA) (BOEI34) caíram cerca de 6%, levando o Dow para baixo. Apple, Netflix e Amazon caíram mais de 2%. O Facebook caiu 1,6% e a Alphabet, 1,7%.

As companhias aéreas também estavam sob pressão, já que a indústria estava se voltando para o estímulo para evitar mais demissões. United Airlines e Delta caíram 2,6% e 2%, respectivamente. A American Airlines caiu 3,3% e a Southwest recuou 1,5%.

“Agora dependerá de quem varre e quanto estímulo receberemos e como será sob um congresso/presidente republicano ou democrata”, disse Dennis DeBusschere, estrategista quantitativo da Evercore ISI. “Por enquanto … o cenário de varredura claramente favorece os Dems. É por isso que as negociações de estímulo não devem ser levadas muito longe. ”

CapturadeTela2020-10-06às17.19.59Gráfico da Dow Jones (DJI) diário de 06/10/2020, apresentando queda acentuada logo após o tweet de Trump

No início do dia, Trump participou de uma ligação com o líder da minoria na Câmara Kevin McCarthy, o líder da maioria no Senado Mitch McConnell e o secretário do Tesouro Steven Mnuchin, onde discutiram o auxílio do coronavírus.

A presidente da Câmara, Nancy Pelosi, disse que Trump estava se colocando “em primeiro lugar às custas do país”.

“Afastar-se das negociações sobre o coronavírus demonstra que o presidente Trump não está disposto a destruir o vírus, conforme exigido pela Lei dos Heróis. Ele mostra seu desprezo pela ciência, seu desprezo por nossos heróis – na saúde, primeiros socorros, saneamento, transporte, trabalhadores da alimentação, professores, e outros – e ele se recusa a colocar dinheiro no bolso dos trabalhadores, a menos que seu nome seja impresso no cheque ”, acrescentou ela.

No início do dia, o presidente do Federal Reserve, Jerome Powell, mais uma vez pediu ajuda fiscal adicional, dizendo que é necessário  que a recuperação econômica continue .

“Mesmo que as ações políticas acabem se revelando maiores do que o necessário, elas não serão desperdiçadas”, disse Powell. “A recuperação será mais forte e mais rápida se a política monetária e a política fiscal continuarem trabalhando lado a lado para dar suporte à economia até que ela esteja claramente fora de perigo.”

As ações dispararam na segunda-feira, com os investidores ficando mais otimistas sobre a saúde do presidente Donald Trump e a possibilidade de auxílio econômico adicional.

Tanto o Nasdaq quanto o S&P 500 tiveram seu maior ganho em um dia desde 9 de setembro. O Dow registrou seu melhor desempenho diário desde 14 de julho. Na terça-feira, a Casa Branca disse que Trump não relatou nenhum sintoma após sua primeira noite fora do hospital.

Ainda assim, as principais médias estão saindo de sua primeira queda mensal desde março, à medida que a preocupação com a pandemia e a incerteza sobre as eleições presidenciais de 3 de novembro diminuíram a comoção do mercado.

“É claro que as partes da economia mais afetadas pela pandemia são as que mais precisam de apoio governamental adicional, incluindo pequenas empresas, governos estaduais e locais, companhias aéreas, trabalhadores de lazer e hotelaria e varejo”, disse David Joy, chefe estrategista de mercado da Ameriprise.

 

Deixe um comentário