Viver (VIVR3) 3T20: prejuízo líquido é de R$ 79 milhões

LinkedIn

A incorporadora e construtora Viver encerrou o terceiro trimestre de 2020 com um prejuízo líquido de R$ 79,6 milhões, praticamente estável quando comparado com o resultado de 2019. Segundo a empresa, o desempenho foi impactado pelo reconhecimento de impairment de imóveis a comercializar no valor de R$ 31 milhões.

Os resultados da Viver (BOV:VIVR3) referentes às suas operações do terceiro trimestre de 2020 foram divulgados no dia 13/11/2020.

→ Desde 1992 a Viver atua no mercado imobiliário, operando em todas as etapas da incorporação imobiliária, da aquisição do terreno à venda das unidades. Confira a análise completa da empresa com informações exclusivas.

O Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) ficou negativo em R$ 69,2 milhões no 3T20.

A receita operacional líquida marcou R$ 7,7 milhões no 3T20, contra um valor negativo de R$ 48,5 milhões. De acordo com a Viver: “Em 2019, para cobrir os riscos de a carteira de clientes não ser realizada, a administração constituiu provisão para distratos de operações bque possuem ações judiciais com riscos efetivos de distratos e retornou os custos das unidades para o estoque de imóveis a comercializar. Em decorrência destas provisões, os distratos realizados durante o 3T20 não impactaram a receita operacional líquida”.

Outras informações do balanço

A Viver encerrou o 3T20 com 3.744 processos judiciais em aberto. Conforme a empresa, desde o 4T18 houve redução de 16,5% da quantidade de processos.

As vendas brutas totalizaram R$ 10,3 milhões no 3T20. Os valores recebidos ultrapassaram R$ 7,3 milhões.

A companhia encerrou o terceiro trimestre com R$ 27,9 milhões de recebíveis e R$ 96,6 milhões de estoque a valor de mercado, sendo R$ 27,7 milhões e R$ 57,2 milhões, respectivamente, provenientes de unidades concluídas.

VISÃO TÉCNICA


Gráficos GRATUITOS na br.advfn.com

Aprenda a analisar graficamente os seus ativos. Acesse: www.youtrade.pro.br

Peça uma análise do seu portfolio de investimentos e ações.
Clique e fale com o especialista da YouSave ou acesse www.yousave.com.br


FaleComEspecialista

Deixe um comentário