AGE da PetroRio aprova reapresentação de balanços anuais desde 2017

LinkedIn

A Assembleia Geral Extraordinária da PetroRio, realizada nesta sexta (04), aprovou a reapresentação das demonstrações financeiras anuais completas referentes aos exercícios sociais encerrados em 31 de dezembro dos anos de 2017 e 2019.

O Fato Relevante foi divulgado pela petroleira (BOV:PRIO3) nesta sexta-feira (04). Também foi aprovado o refazimento dos formulários de informações trimestrais referentes aos períodos findos em 30 de junho de 2019, 30 de setembro de 2019, 31 de março de 2020 e 30 de junho de 2020.

Em agosto deste ano a companhia, que tem sede no Rio, informou a contratação da empresa de consultoria independente Ernst & Young  para refazer os balanços anuais de 2019 e 2018. Segundo o comunicado à época, após a realização de ajustes, foi apurado um impacto positivo de R$ 206,4 milhões no resultado referente ao ano passado com o lucro líquido consolidado da petroleira em 2019 chegando a R$ 842,3 milhões.

Devido ao refazimento dos formulários anuais anteriores, a PetroRio informou que também irá reapresentar os relatórios trimestrais dos períodos de três e seis meses encerrados em 30 de junho de 2019 e 30 de junho de 2020, e período de três meses encerrado em 31 de março de 2020.

Além disso, de acordo com fato relevante divulgado nesta sexta-feira, a empresa aprovou na AGE mudanças em dois artigos de seu estatuto social.

Em primeiro lugar, a companhia decidiu pela eliminação da possibilidade de participação societária independentemente da atividade da sociedade investida. Em relação ao mesmo artigo, a PetroRio também retirou de seu objeto social a prestação de serviços de consultoria.

Além disso, a petroleira suspendeu o artigo que limitava o direito de voto de acionistas que exerciam atividades que poderiam ser consideradas concorrentes, até que seja comunicado um posicionamento da Comissão de Valores Mobiliários (CVM) no âmbito da consulta formulada pela companhia.

Deixe um comentário